Autor Tópico: Sinopse de Diábolos, o Rapaz-Diabo.  (Lida 23262 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Magnus

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 4278
  • O Senhor Luvas
    • Ver Perfil
    • O Senhor Luvas
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #15 em: Maio 26, 2011, 06:26:51 am »
Ok. Sim é um bom lugar para treinar apesar que fora da Escrita Criativa quase todos escrevem como escrevem. Mas sim é lugar óptimo de se escrever.

Sabes que se te tornares um escritor conhecido, e eu espero que sim e que tenhas quer o talento quer o devido reconhecimento, todos vão reparar nestas "pequenas" coisinhas e que se assim for serás um exemplo e um exemplo deve ser sempre bom  ;)

E Rui estava só a brincar, obviamente, porque enganos temos nós todos, isso e dez dedos  ;D
« Última modificação: Maio 26, 2011, 06:28:22 am por Magnus »
O Senhor Luvas
mais que um blog de literatura

Offline Fernando Pinheiro

  • Sou um anjo-caído ou demónio se preferirem. Também sou o "sociopata" de Almada :D
  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2498
  • Um escritor ecléctico.
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #16 em: Maio 26, 2011, 06:58:41 am »
Ok. Sim é um bom lugar para treinar apesar que fora da Escrita Criativa quase todos escrevem como escrevem. Mas sim é lugar óptimo de se escrever.

Sabes que se te tornares um escritor conhecido, e eu espero que sim e que tenhas quer o talento quer o devido reconhecimento, todos vão reparar nestas "pequenas" coisinhas e que se assim for serás um exemplo e um exemplo deve ser sempre bom  ;)

E Rui estava só a brincar, obviamente, porque enganos temos nós todos, isso e dez dedos  ;D

Sim eu sei e ainda bem. Se ninguém reparar o escritor pode ficar sem reparar que se enganou a escrever por exemplo.
Brevemente Diábolos, o Rapaz-Diabo.

Silent Hill 2 é o melhor videojogo de Fantástico.

Dentro de cada um de nós existe um animal prestes a ser despertado.

Salazarismo e Extrema-direita Sucks -.-'

Offline JonathanStrange

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 8971
  • "The fight isn't over until you win." Robin Hobb
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #17 em: Maio 26, 2011, 07:23:44 am »
Bem, venho dar a minha opinião. Não leves a peito.

Em primeiro lugar, na minha opinião, um conto não tem "plot." Um conto é algo bem mais simples. Tens uma situação base, algo que é o "mundo" antes do teu leitor ler a primeira frase. Terá de haver um conflito, seja ela criado pela personagem, rival ou mesmo pelo cenário em si (Por exemplo um cometa que vai destruir tudo). Terá de existir um momento que exista uma atitude por parte de algo ou alguém para exercer uma mudança na situação inicial e depois, termina com tudo diferente, tudo igual ou sinal de mudanças. Há quem diga que os contos são para os principiantes e há quem defenda que é a forma mais dura e complicada de estar na literatura. Se olhas para os teus contos e vês defeitos de "plot" então não tens contos, tens ideias para algo maior. Isso é positivo, mas não confundas.

Em relação à tua ideia base. É vazia. Passo a explicar:

Não, antes de mais, não sou um defensor maluquinho da originalidade, acho que ela já não existe neste mundo das letras. Apenas está ao alcance dos génios. Mas há formas de se contar uma estória (Sim, sem H, ainda sou daqueles que separa estória ficcional da história do mundo. Até pode já nem estar correcto, terei de me informar.) de uma forma que seja diferente e apelativa. Aquilo que descreves é, sem sombra de dúvida, baseado em várias séries televisivas e livros do género. Quem olha para a sinopse pensa imediatamente: Já vi isto. E não fica com vontade de saber mais, já se adivinha como termina. É na imprevisibilidade, mesmo dentro do que já existe, que se ganham e perdem leitores.

O único conselho, se é que tenho direito a dar-te um, é que olhes bem para os conselhos presentes no fórum. Tenta procurar informações pela internet e livros. Por último, os dois passos mais importantes: Lê, de tudo. Não apenas o estilo que queres escrever. E, o mais importante de todos: Escreve. Sempre que possas, escreve. Em todas as oportunidades que tiveres, procura utilizar o melhor possível a tua maior arma: a língua portuguesa. Se criares hábitos de Msn e Facebook estás a fugir à tal oportunidade de evoluir em qualquer situação. No diário é imperdoável. Algo que guarda os teus maiores segredos, desejos e ambições, não pode estar escrito de uma forma descuidada.

É apenas uma opinião. Já passei pela mesma fase onde estás agora: A mostrar as tuas intenções num fórum recheado de leitores experientes e exigentes. Aqui podes aprender muito. Por mim falo. Ainda hoje comparo o primeiro texto que escrevi na vida com ideias de ser "arte" e publiquei o mesmo neste cantinho. Tive gente que me ajudou imenso, dois deles já te visitaram e deram os seus conselhos: Smirlah e Magnus. Escuta(lê) com atenção tudo o que te dizem. Não sejas arrogante. Se um dias conseguires publicar algo, serão eles que irão ler e julgar a qualidade da tua obra. Porque estás a frequentar um local recheado de gente com gostos diferentes e muitos deles simpáticos o suficiente para perder um pouco do seu tempo para ajudar quem se quer iniciar nestas artes.

Desejo-te toda a sorte do mundo :)
"Great minds have purposes, little minds have wishes."
– Washington Irving

 “The people who stay put don’t trust the people who don’t,” - Jedediah Berry


Offline Fernando Pinheiro

  • Sou um anjo-caído ou demónio se preferirem. Também sou o "sociopata" de Almada :D
  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2498
  • Um escritor ecléctico.
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #18 em: Maio 26, 2011, 08:02:02 am »
Bem, venho dar a minha opinião. Não leves a peito.

Em primeiro lugar, na minha opinião, um conto não tem "plot." Um conto é algo bem mais simples. Tens uma situação base, algo que é o "mundo" antes do teu leitor ler a primeira frase. Terá de haver um conflito, seja ela criado pela personagem, rival ou mesmo pelo cenário em si (Por exemplo um cometa que vai destruir tudo). Terá de existir um momento que exista uma atitude por parte de algo ou alguém para exercer uma mudança na situação inicial e depois, termina com tudo diferente, tudo igual ou sinal de mudanças. Há quem diga que os contos são para os principiantes e há quem defenda que é a forma mais dura e complicada de estar na literatura. Se olhas para os teus contos e vês defeitos de "plot" então não tens contos, tens ideias para algo maior. Isso é positivo, mas não confundas.

Em relação à tua ideia base. É vazia. Passo a explicar:

Não, antes de mais, não sou um defensor maluquinho da originalidade, acho que ela já não existe neste mundo das letras. Apenas está ao alcance dos génios. Mas há formas de se contar uma estória (Sim, sem H, ainda sou daqueles que separa estória ficcional da história do mundo. Até pode já nem estar correcto, terei de me informar.) de uma forma que seja diferente e apelativa. Aquilo que descreves é, sem sombra de dúvida, baseado em várias séries televisivas e livros do género. Quem olha para a sinopse pensa imediatamente: Já vi isto. E não fica com vontade de saber mais, já se adivinha como termina. É na imprevisibilidade, mesmo dentro do que já existe, que se ganham e perdem leitores.

O único conselho, se é que tenho direito a dar-te um, é que olhes bem para os conselhos presentes no fórum. Tenta procurar informações pela internet e livros. Por último, os dois passos mais importantes: Lê, de tudo. Não apenas o estilo que queres escrever. E, o mais importante de todos: Escreve. Sempre que possas, escreve. Em todas as oportunidades que tiveres, procura utilizar o melhor possível a tua maior arma: a língua portuguesa. Se criares hábitos de Msn e Facebook estás a fugir à tal oportunidade de evoluir em qualquer situação. No diário é imperdoável. Algo que guarda os teus maiores segredos, desejos e ambições, não pode estar escrito de uma forma descuidada.

É apenas uma opinião. Já passei pela mesma fase onde estás agora: A mostrar as tuas intenções num fórum recheado de leitores experientes e exigentes. Aqui podes aprender muito. Por mim falo. Ainda hoje comparo o primeiro texto que escrevi na vida com ideias de ser "arte" e publiquei o mesmo neste cantinho. Tive gente que me ajudou imenso, dois deles já te visitaram e deram os seus conselhos: Smirlah e Magnus. Escuta(lê) com atenção tudo o que te dizem. Não sejas arrogante. Se um dias conseguires publicar algo, serão eles que irão ler e julgar a qualidade da tua obra. Porque estás a frequentar um local recheado de gente com gostos diferentes e muitos deles simpáticos o suficiente para perder um pouco do seu tempo para ajudar quem se quer iniciar nestas artes.

Desejo-te toda a sorte do mundo :)

Não levo a peito.São óptimos conselhos.Sim é verdade que o género que estou a fazer é difícil ser-se original. No entanto existe tantas criaturas mitológicas, mitos urbanos, lendas, fenómenos, ciência fringe, etc. Que creio que consigo ser original em algumas histórias. No entanto não vou exagerar nesse aspecto.Também um vampiro ou outro não faz mal a ninguém. Sem o Drácula de Bram Stocker, O Vampiro de John William Polidori, a Carmilla de Joseph Sheridan Le Fanu.Creio que os vampiros seriam diferentes na actualidade.Eles marcaram.E são uma boa inspiração.  É uma questão de eu criar personagens convincentes. Por exemplo como reparas te Lúcifer aparece. Mas este Lúcifer é diferente do que costuma aparecer.É mais humano.Tem qualidades e defeitos. Todas as versões do Daibo que já vi. Ele é sempre um monstro mauzão. O Paraíso Perdido é talvez o único que mostra um Diabo simpatético. Mas sem contar com Milton.Nunca aconteceu ainda haver um Lúcifer que tenha sentimentos iguais ao do ser humano. Raiva, humilhação,orgulho, vingança, inveja, amor.

Obrigado pelos conselhos.
Brevemente Diábolos, o Rapaz-Diabo.

Silent Hill 2 é o melhor videojogo de Fantástico.

Dentro de cada um de nós existe um animal prestes a ser despertado.

Salazarismo e Extrema-direita Sucks -.-'

Offline JonathanStrange

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 8971
  • "The fight isn't over until you win." Robin Hobb
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #19 em: Maio 26, 2011, 08:03:40 am »
Lê "Eu, Lucifer" de Glen Duncan ;)

Nada a agradecer. Força nisso!
"Great minds have purposes, little minds have wishes."
– Washington Irving

 “The people who stay put don’t trust the people who don’t,” - Jedediah Berry


Offline Fernando Pinheiro

  • Sou um anjo-caído ou demónio se preferirem. Também sou o "sociopata" de Almada :D
  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2498
  • Um escritor ecléctico.
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #20 em: Maio 26, 2011, 08:07:49 am »
Lê "Eu, Lucifer" de Glen Duncan ;)

Nada a agradecer. Força nisso!


Ok. Vou ler. Pelo titulo imagino que seja aquilo que referi.
Brevemente Diábolos, o Rapaz-Diabo.

Silent Hill 2 é o melhor videojogo de Fantástico.

Dentro de cada um de nós existe um animal prestes a ser despertado.

Salazarismo e Extrema-direita Sucks -.-'

Offline JonathanStrange

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 8971
  • "The fight isn't over until you win." Robin Hobb
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #21 em: Maio 26, 2011, 08:10:24 am »
Verás o dito cujo de uma forma diferente do habitual. O livro é complicado de encontrar e é um pouco fraco, mas é uma visão diferente. :)

Quanto à tua afirmação de "um vampiro não faz mal", concordo! Por mim até podes ter um exército de vampiros a defender a humanidade de uma invasão de extraterrestes! Desde que a contes de forma que o leitor sinta uma "ressaca" cada vez que fecha o livro, escreve sobre o que quiseres. Ignora rótulos. :)
« Última modificação: Maio 26, 2011, 08:39:20 am por JonathanStrange »
"Great minds have purposes, little minds have wishes."
– Washington Irving

 “The people who stay put don’t trust the people who don’t,” - Jedediah Berry


Offline Fernando Pinheiro

  • Sou um anjo-caído ou demónio se preferirem. Também sou o "sociopata" de Almada :D
  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2498
  • Um escritor ecléctico.
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #22 em: Maio 26, 2011, 09:40:34 am »
Verás o dito cujo de uma forma diferente do habitual. O livro é complicado de encontrar e é um pouco fraco, mas é uma visão diferente. :)

Quanto à tua afirmação de "um vampiro não faz mal", concordo! Por mim até podes ter um exército de vampiros a defender a humanidade de uma invasão de extraterrestes! Desde que a contes de forma que o leitor sinta uma "ressaca" cada vez que fecha o livro, escreve sobre o que quiseres. Ignora rótulos. :)


Tenho que ver se o encontro. É isso. Ignorar rótulos. Não vamos estar a por rótulos nas coisas.
Brevemente Diábolos, o Rapaz-Diabo.

Silent Hill 2 é o melhor videojogo de Fantástico.

Dentro de cada um de nós existe um animal prestes a ser despertado.

Salazarismo e Extrema-direita Sucks -.-'

Offline Arlequim

  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 13
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #23 em: Maio 26, 2011, 20:40:59 pm »
Gosto da tua ideia porque gosto de tudo o que seja desse género - assim de cabeça: hellboy, dmc, sobrenatural .
 
A questão é que isso já foi feito várias vezes, e assim, na minha opinião, devias focar-te quando estás a "vender" a ideia no que é diferente das outras estórias:  seja o mundo onde se passa, o desenvolvimento das personagens, ou o teu estilo como escritor; já que o tema (bem vs mal) e o enredo (diabo vs deus) já foram desenvolvidos antes.

__

Quanto à ideia do universo partilhado, recorda-te que o H.P. Lovecraft, por exemplo, ia escrevendo simplesmente. E o universo surgia, não começou com um rascunho do universo que depois tentava inserir nas estórias. O que, no caso dele fazia sentido, porque quão mais impossível de saber o universo fosse, melhor.

Não sei se é costume ser assim, ou criar o rascunho do universo e ir dando pistas deste, mas para mim o segundo tenta-me demais a "cuspir" informações em vez de escrever a estória.

« Última modificação: Maio 26, 2011, 20:50:16 pm por Arlequim »

Offline Fernando Pinheiro

  • Sou um anjo-caído ou demónio se preferirem. Também sou o "sociopata" de Almada :D
  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2498
  • Um escritor ecléctico.
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #24 em: Maio 26, 2011, 22:28:27 pm »
Gosto da tua ideia porque gosto de tudo o que seja desse género - assim de cabeça: hellboy, dmc, sobrenatural .
 
A questão é que isso já foi feito várias vezes, e assim, na minha opinião, devias focar-te quando estás a "vender" a ideia no que é diferente das outras estórias:  seja o mundo onde se passa, o desenvolvimento das personagens, ou o teu estilo como escritor; já que o tema (bem vs mal) e o enredo (diabo vs deus) já foram desenvolvidos antes.

__

Quanto à ideia do universo partilhado, recorda-te que o H.P. Lovecraft, por exemplo, ia escrevendo simplesmente. E o universo surgia, não começou com um rascunho do universo que depois tentava inserir nas estórias. O que, no caso dele fazia sentido, porque quão mais impossível de saber o universo fosse, melhor.

Não sei se é costume ser assim, ou criar o rascunho do universo e ir dando pistas deste, mas para mim o segundo tenta-me demais a "cuspir" informações em vez de escrever a estória.



Não por acaso não tenho todo o universo planeado, ele vai surgindo como é óbvio. Tenho ideias, vou aplicando as,escrevendo. Mas nem eu próprio conheço o meu próprio universo que criei.

Vais ter uma surpresa em relação ao "Lúcifer vs. Deus". Porque apesar da sinopse. Isso é o que eu quero que se pense no início. Porque nestas histórias Hades não é evil. Os anjos podem ser bons ou maus.A mesma coisa com os demónios. E Lúcifer é diferente do que qualquer história de monster of the week genre. Ele é mais humano percebes. Esquece o Diabo Hollywoodesco.
Brevemente Diábolos, o Rapaz-Diabo.

Silent Hill 2 é o melhor videojogo de Fantástico.

Dentro de cada um de nós existe um animal prestes a ser despertado.

Salazarismo e Extrema-direita Sucks -.-'

Offline Arlequim

  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 13
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #25 em: Maio 26, 2011, 22:49:16 pm »
óptimo. Mas então, qual é o "tema" realmente?
Não te esqueças que essa surpresa que guardas, só vale a pena se as pessoas se derem ao trabalho de lerem o livro, e se pensarem ser igual a tudo o resto à partida, nem se darão ao trabalho de o abrir. Só um conselho.

Offline Fernando Pinheiro

  • Sou um anjo-caído ou demónio se preferirem. Também sou o "sociopata" de Almada :D
  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2498
  • Um escritor ecléctico.
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #26 em: Maio 26, 2011, 23:49:45 pm »
óptimo. Mas então, qual é o "tema" realmente?
Não te esqueças que essa surpresa que guardas, só vale a pena se as pessoas se derem ao trabalho de lerem o livro, e se pensarem ser igual a tudo o resto à partida, nem se darão ao trabalho de o abrir. Só um conselho.

Obrigado pelos conselhos.
Inicialmente são casos sobrenaturais.Depois vai evoluindo até chegar ao Apocalipse. Eu tento ao máximo ser original. Os personagens vão se evoluindo.Mudando de alianças.Heróis são transformados em vilões.Antagonistas encontram redenção e juntam-se ao protagonista para uma causa maior.Onde aparentemente boas pessoas e heróis podem revelarem-se os piores inimigos quando não têm o que querem.Têm terror,ficção cientifica, crime, fantasia.
Brevemente Diábolos, o Rapaz-Diabo.

Silent Hill 2 é o melhor videojogo de Fantástico.

Dentro de cada um de nós existe um animal prestes a ser despertado.

Salazarismo e Extrema-direita Sucks -.-'

Offline Arlequim

  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 13
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #27 em: Maio 27, 2011, 04:42:30 am »
óptimo. Mas então, qual é o "tema" realmente?
Não te esqueças que essa surpresa que guardas, só vale a pena se as pessoas se derem ao trabalho de lerem o livro, e se pensarem ser igual a tudo o resto à partida, nem se darão ao trabalho de o abrir. Só um conselho.

Obrigado pelos conselhos.
Inicialmente são casos sobrenaturais.Depois vai evoluindo até chegar ao Apocalipse. Eu tento ao máximo ser original. Os personagens vão se evoluindo.Mudando de alianças.Heróis são transformados em vilões.Antagonistas encontram redenção e juntam-se ao protagonista para uma causa maior.Onde aparentemente boas pessoas e heróis podem revelarem-se os piores inimigos quando não têm o que querem.Têm terror,ficção cientifica, crime, fantasia.
O problema nesse caso é que tens de introduzir a reviravolta cedo face ao perigo do leitor perder o interesse prematuramente.

Offline Fernando Pinheiro

  • Sou um anjo-caído ou demónio se preferirem. Também sou o "sociopata" de Almada :D
  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2498
  • Um escritor ecléctico.
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #28 em: Maio 28, 2011, 01:51:08 am »
óptimo. Mas então, qual é o "tema" realmente?
Não te esqueças que essa surpresa que guardas, só vale a pena se as pessoas se derem ao trabalho de lerem o livro, e se pensarem ser igual a tudo o resto à partida, nem se darão ao trabalho de o abrir. Só um conselho.

Obrigado pelos conselhos.
Inicialmente são casos sobrenaturais.Depois vai evoluindo até chegar ao Apocalipse. Eu tento ao máximo ser original. Os personagens vão se evoluindo.Mudando de alianças.Heróis são transformados em vilões.Antagonistas encontram redenção e juntam-se ao protagonista para uma causa maior.Onde aparentemente boas pessoas e heróis podem revelarem-se os piores inimigos quando não têm o que querem.Têm terror,ficção cientifica, crime, fantasia.
O problema nesse caso é que tens de introduzir a reviravolta cedo face ao perigo do leitor perder o interesse prematuramente.

Mmm. Sim já pensei nisso. Tens alguns conselhos em relação em criar um ambiente de terror por exemplo? Hoje em dia reparo que ninguém já sente aquele "terror " como antigamente ao ler uma história ou a ver um filme.
Brevemente Diábolos, o Rapaz-Diabo.

Silent Hill 2 é o melhor videojogo de Fantástico.

Dentro de cada um de nós existe um animal prestes a ser despertado.

Salazarismo e Extrema-direita Sucks -.-'

Offline Arlequim

  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 13
    • Ver Perfil
Re: Sinopse de Diabolos the Devilboy (é apenas ainda uma sinpse).
« Responder #29 em: Maio 28, 2011, 07:03:47 am »
Ambiente no termo literal? Como nos contos góticos, a noite, a trovoada a escuridão, o castelo no alto da montanha, mal iluminado pelo luar - ambiente nesse sentido?
Acho muito difícil. Porque, já foi visto. Mas certamente outros, mais sapientes, te ajudarão melhor!