Autor Tópico: Com a Cabeça na Lua  (Lida 17448 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Safaa_Dib

  • Administrator
  • Bibliófilo
  • *****
  • Mensagens: 2083
    • Ver Perfil
Com a Cabeça na Lua
« em: Julho 06, 2009, 13:45:01 pm »
Olá,

A SdE preparou uma edição muito especial e única em todo o mundo para celebrar os 40 anos da chegada à Lua, um dos eventos mais marcantes à escala planetária do séc. XX.

Em 20 de Julho de 1969, Neil Armstrong tornava-se o primeiro homem a pisar o solo lunar e, consequentemente, o primeiro ser humano a visitar um outro mundo que não a Terra. O feito, desde então inigualado, permanece como o maior desafio tecnológico a que a Humanidade se propôs. Antes, porém, de o Programa Apollo ter proporcionado o célebre pequeno passo para o Homem, um salto de gigante para a Humanidade, inúmeros autores de Ficção Científica - até então considerada um género menor - tinham levado o Homem à Lua pelos mais variados meios e pelos mais diversos motivos.

A obra tem a particularidade de reunir contos todos escritos e publicados antes de 1969, e são antecedidos por breves introduções de contextualização literária e histórica. Para tornar esta edição ainda mais completa, não falta também uma filmografia e bibliografia em torno de viagens à Lua.




Leia um excerto desta obra aqui.

E para marcar este evento, a SdE convida-vos a todos para participarem na sessão de apresentação desta antologia a 11 de Julho, às 17h, na Fnac Colombo. A apresentação estará a cargo do editor Luís Corte Real, João Seixas, o editor da antologia, e mais uma pessoa ainda por confirmar.

Contamos convosco! ;)
« Última modificação: Março 29, 2012, 22:10:30 pm por Smirlah »
Kill the boy, Jon Snow.  Winter is almost upon us.  Kill the boy and let the man be born. - A Dance with Dragons

Offline oliveira8

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 5652
    • Ver Perfil
Com a Cabeça na Lua
« Responder #1 em: Julho 06, 2009, 15:46:16 pm »
Hmm faz lembrar o foguete do Tintin. ^^




Tive a dar uma olhadela ao excerto e dá a sensação de ter introduções a mais. xP

Mas que é um bom livro isso é. Só falta mesmo os dois livros do Jules Verne sobre a lua, e podiam chamar a maior antologia sobre a Lua, antes de ir alguém à Lua.

P.S: Literatura Contemporânea?

Offline FranciscoNorega

  • Leitor Inveterado
  • ***
  • Mensagens: 355
    • Ver Perfil
    • http://www.phpbbserver.com/ocantinhodosliv
Com a Cabeça na Lua
« Responder #2 em: Julho 06, 2009, 23:20:32 pm »
Promissora, esta antologia :) Vou comprar assim que puder e, provavelmente, vou conseguir comparecer na apresentação :D

Apenas é curioso (e um pouco no seguimento deste post) que no mínimo (não consegui encontrar informações sobre Vic Phillips) 80% dos contos sejam norte-americanos. Não que seja um ponto contra a antologia, simplesmente gostava de mais variedade :P

Offline oliveira8

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 5652
    • Ver Perfil
Com a Cabeça na Lua
« Responder #3 em: Julho 07, 2009, 00:46:07 am »
Mais difícil de arranjar tradutores de outras línguas?

Ou as outras nações que falam/escrevem não escreveram nada de jeito?

Offline The Beyonder

  • João Seixas
  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 4
    • Ver Perfil
    • http://www.spaceshipdown.blogspot.com
Nacionalidade dos Contos
« Responder #4 em: Julho 07, 2009, 13:45:37 pm »
Olá caríssimos,

Um dos problema que tivemos que enfrentar na selecção dos contos a incluir (tivemos, digo eu - que sou o único responsável pela escolha - e a Editora que teve que tratar das demais questões que rodeiam a publicação) foi precisamente o de encontrar o melhor equilíbrio possível para o que esperávamos ser uma pluralidade de pontos de vista e de tratamentos literários de um mesmo tema. A ideia original, aliás, em sintonia com o leitor Oliveira8, era incluir praticamente tudo o que se tivesse escrito com carácter de hard science fiction sobre a forma como teria sido imaginada a viagem à Lua. Começando, obviamente, pelo díptico de Verne, o First Men in the Moon (1901) do Wells, os contos do Heinlein que figuram na antologia, e eventualmente até, os vários textos de proto-FC que foram escritos desde a Antiguidade até ao surto de Viagens Lunares dos Séculos XVII e XVIII, sem esquecer as primeiras incursões mais científicamente inclinadas de Poe e dos seus contemporâneos.

Claro que isso depressa se tornou missão impossível, pois implicaria um livro com mais de um milhar de páginas e letra de ler à lupa - que são coisas que os Anglo-Saxónicos e os Franceses, por exemplo, editam, mas que cá em Portugal não encontram quem lhes pegue.

Passamos, então, a seleccionar contos de hard-sf, com a intenção de os incluirmos a todos, mas foi surpreendente a quantidade de contos que foram publicados com essas características, e outros tantos que seriam excluídos por uma adesão demasiado estrita aos critérios fixados, e isso tornou a ideia igualmente proibitiva.

Optou-se assim por uma antologia diferente, sem ambições de ser exaustiva, mas que permitisse fazer um apanhado dos vários aspectos, problemas, receios, anseios e antecipações que marcaram os anos que antecederam a viagem à Lua, escolhendo uma série de contos que abordassem vários desses aspectos, alguns complementando-se, outros contrapondo-se, tentando exibir um leque de distintos enfoques de um mesmo projecto que - e isto é importante fixar - quase toda a gente exterior ao mundo da FC considerava - expressa ou inconscientemente - impossível.

Daí que estas novas contingências viessem impor um determinado tipo de escolhas: os contos não podiam ser superiores a determinado tamanho (com excepção dos contos de Heinlein, que formam a coluna vertebral da Antologia), deviam abordar determinados aspectos do programa espacial de forma a mostrar onde a realidade foi de encontro ou totalmente ignorou aquilo que a FC imaginou, deviam ser tanto quanto possível inéditos em Portugal e pouco reproduzidos mesmo internacionalmente, etc...

Ora, outra limitação importante à escolha de contos é a disponibilidade dos originais para serem consultados, e a capacidade dos organizadores para chegarem a esses originais: textos Ingleses, Franceses, Espanhóis, ou traduzidos para essas línguas a par do Português e do Brasileiro (para quem entender que são línguas distintas) podiam ser consultados e seleccionados. Textos Japoneses, escritos em Swahili, etc..., não traduzidos para uma língua minha conhecida, não puderam ser considerados.

Por parte da Ficção Científica Francesa, por exemplo, mesmo por recurso aos textos da minha colecção, por consulta à colecção do João Barreiros e às obras de referência como a Histoire de La Science Fiction: 1911-1984 de Jacques Saddoul, encontramos de interesse apenas romances (excluídos por questão de tamanho), sendo que não nos passou pelas mãos nenhuma referência ou conto que encarasse a primeira viagem à Lua de uma perspectiva hard sf. Havia-os, diversos, que prefiguravam essa viagem, mas imaginavam uma ainda ou outrora habitada, ou contendo artefactos alienígenas - o tipo de história que não queríamos incluir na colecção. Da União Soviética ainda encontramos alguns exemplos, mas a maior parte padecia igualmente dos defeitos apontados às suas contra-partes francesas, a par, nalguns casos, de uma escrita muito fraca do ponto de vista estilístico ou narrativo. Idem aspas para a Ficção Científica Espanhola.

No fundo, a impressão com que ficámos, foi que, tal como a Ficção Científica, também a Viagem à Lua se tornou um tema essencialmente Americano após a publicação do seminal texto de Verne (e quase diria exclusivamente Americano após 1961), sendo por isso normal que fossem os autores Americanos quem mais  tratou esse tema (com os Britânicos em segundo lugar, em virtude da língua e do mercado que partilham com eles).

A presença predominante de autores Americanos na Antologia não tem assim nada que ver com qualquer demérito de autores de outras nacionalidades, mas com a predominância do tema na Ficção Científica norte-americana. E acreditem que bem me esforcei por encontrar um autor português que tivesse tratado o tema antes de 1969...

Quanto ao excesso de introduções, incluí uma para cada conto, procurando contextualizá-lo à luz da FC da época e esplicando qual o aspecto do programa espacial que o conto foi escolhido para representar. A vantagem das introduções é que ninguém tem de as ler para apreciar os contos. Estão lá só para quiser mais alguns condimentos...
"A bad book hurts science fiction more than ten bad notices" (Damon Knight)

Offline RuiBaptista

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2214
    • Ver Perfil
    • Bela Lugos is Dead
Com a Cabeça na Lua
« Responder #5 em: Julho 07, 2009, 15:23:50 pm »
E se antes já estava convencido, com esta explicação, fiquei ainda mais. E ainda mesmo sem ter o livro nas mãos, dou desde já os meus parabéns a todos os que trabalharam na antologia., incluindo os (quatro) tradutores, que geralmente são sempre os mais esquecidos.

Offline The Beyonder

  • João Seixas
  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 4
    • Ver Perfil
    • http://www.spaceshipdown.blogspot.com
Com a Cabeça na Lua
« Responder #6 em: Julho 07, 2009, 19:47:07 pm »
Olá Rui!

Muito obrigado pelas simpáticas palavras, na parte que me toca, quer como organizador da antologia, quer como tradutor de um dos contos. Espero que depois de teres o livro nas mãos a tua opinião se mantenha e esteja tudo à altura das expectativas.

Um grande abraço,

Seixas
"A bad book hurts science fiction more than ten bad notices" (Damon Knight)

Offline JVerne

  • Leitor de Fim de Semana
  • **
  • Mensagens: 100
    • Ver Perfil
    • http://www.jvernept.blogspot.com
Com a Cabeça na Lua
« Responder #7 em: Julho 07, 2009, 19:59:18 pm »
Já estive a ler os textos disponibilizados e fiquei bastante contente pela referência (e não podia deixar de haver) ao meu escritor preferido, Jules Verne.

Ao principio pensei em encontrar as obras de Poe (Um homem na Lua) e Verne (Da Terra à Lua). Foi realmente pena não terem colocado estes dois belos textos.

Já agora outra pergunta, porque não traduziram as frases de Kennedy e de Heinlein no início do livro?
O que uma pessoa pode imaginar, outras podem tornar real! JV
www.jvernept.blogspot.com
www.forumjverne.pt.vu

Offline FranciscoNorega

  • Leitor Inveterado
  • ***
  • Mensagens: 355
    • Ver Perfil
    • http://www.phpbbserver.com/ocantinhodosliv
Com a Cabeça na Lua
« Responder #8 em: Julho 07, 2009, 23:10:01 pm »
Ok, Seixas, obrigado pela explicação :) Fiquei esclarecido :)

Em relação ao Vic Phillips, ele é de que nacionalidade?


Desde já um grande PARABÉNS pela organização de uma das raras obras de FC no mercado português (mais raras ainda considerando que é uma Antologia), e parabéns também aos outros três tradutores ;)

Offline The Beyonder

  • João Seixas
  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 4
    • Ver Perfil
    • http://www.spaceshipdown.blogspot.com
Com a Cabeça na Lua
« Responder #9 em: Julho 08, 2009, 11:53:22 am »
Olá JVerne,

Não é possível falar da Viagem à Lua na Ficção Científica omitindo Júlio Verne. Os seus DA TERRA À LUA e EM TORNO DA LUA são dois dos textos mais importantes da FC e dos que mais gente fisgaram para a leitura do género. É, para mim, particularmente importante o facto de serem textos que, ao contrário da quase totalidade dos seus predecessores, adoptaram uma perspectiva exclusivamente tecnológica e científica para a viagem propriamente dita (por muito quantitativamente errada que ela se tenha revelado).

Francisco,

Obrigado também pelos Parabéns e, respondendo à tua questão, podes aumentar a quota  de autores americanos para os 90%.

Abraços,
"A bad book hurts science fiction more than ten bad notices" (Damon Knight)

Offline JVerne

  • Leitor de Fim de Semana
  • **
  • Mensagens: 100
    • Ver Perfil
    • http://www.jvernept.blogspot.com
Com a Cabeça na Lua
« Responder #10 em: Julho 14, 2009, 10:24:37 am »
The Beyonder, por um lado ainda bem que não colocaram essas duas magníficas obras de Verne. Não digam a ninguém mas a Europa-América vai fazer uma edição especial destes dois textos e portanto fizeram bem em dar a conhecer outras belas obras ligadas a este tema.

Mas se publicarem um vol. 2 não se esqueçam da obra de Poe, Um homem na Lua;)
E outra crítica (não me levem a mal). Porque não colocaram a tradução das frases de Kennedy e de Heinlein que se encontram no início do livro? Eu entendo mas há quem não saiba inglês.
O que uma pessoa pode imaginar, outras podem tornar real! JV
www.jvernept.blogspot.com
www.forumjverne.pt.vu

Offline Safaa_Dib

  • Administrator
  • Bibliófilo
  • *****
  • Mensagens: 2083
    • Ver Perfil
Com a Cabeça na Lua
« Responder #11 em: Julho 14, 2009, 13:39:47 pm »
Citação de: "JVerne"

E outra crítica (não me levem a mal). Porque não colocaram a tradução das frases de Kennedy e de Heinlein que se encontram no início do livro? Eu entendo mas há quem não saiba inglês.


A epígrafe é sempre uma opção pessoal do autor ou editor e não está sujeita a imposições de edição como o restante livro. O João Seixas podia até ter optado pelo alemão ou latim ou árabe que não seria traduzido se ele assim não o quisesse.

Pessoalmente, penso que as frases de Kennedy e Heinlein perdem algo do seu impacto quando traduzidas.
Kill the boy, Jon Snow.  Winter is almost upon us.  Kill the boy and let the man be born. - A Dance with Dragons

Offline JVerne

  • Leitor de Fim de Semana
  • **
  • Mensagens: 100
    • Ver Perfil
    • http://www.jvernept.blogspot.com
Com a Cabeça na Lua
« Responder #12 em: Julho 15, 2009, 10:10:21 am »
Sim, não disse para as substituir para português mas podiam ter posto a tradução, por exemplo, no rodapé ou no final do livro. Mas também não é importante.
O que uma pessoa pode imaginar, outras podem tornar real! JV
www.jvernept.blogspot.com
www.forumjverne.pt.vu

Offline paul_muadib

  • Leitor de Fim de Semana
  • **
  • Mensagens: 90
    • Ver Perfil
    • http://blog.tecnofantasia.com
Com a Cabeça na Lua
« Responder #13 em: Julho 15, 2009, 10:39:11 am »
Não sei se foi por estes lados referido, mas podem habilitar-se a ganhar um exemplar desta antologia:

http://www.tecnofantasia.com/cgi-bin/tfmaint.cgi/01/00/T1247440061

Até dia 18.

Offline RuiBaptista

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2214
    • Ver Perfil
    • Bela Lugos is Dead
Com a Cabeça na Lua
« Responder #14 em: Agosto 26, 2009, 23:08:11 pm »
E pronto. Para quem possa interessar, aqui fica a crítica à antologia:

http://belalugosiisdead.blogspot.com/2009/08/critica-com-cabeca-na-lua.html

Gostei muito.