Autor Tópico: Tormenta de Espadas  (Lida 28216 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline tangerina

  • Global Moderator
  • Bibliófilo
  • *****
  • Mensagens: 4851
    • Ver Perfil
    • goodreads
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #90 em: Fevereiro 25, 2011, 04:36:19 am »
Sempre às ordens ;D
Imprimi o documento das famílias e fiz um livrinho que anexei à Guerra dos Tronos :D
Lido: Aristides de Sousa Mendes, Um Herói Português, José-Alain Fralon
A ler: 1808, Laurentino Gomes
         A Game of Thrones, G. R. R. Martin
        

http://abibliofila.blogspot.com/

http://www.goodreads.com/catsadiablo

Offline Fiacha

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 15386
  • Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #91 em: Agosto 06, 2011, 01:28:11 am »
A Tormenta de Espadas - Crítica no blogue Ler y Criticar

Quando comecei este 5º livro da saga do momento, tive algum receio que novamente Martin baixasse o ritmo do livro (tal como fizera no 3º livro) para alargar o leque de personagens de Westeros. Tal não acontece e é este, para mim, o primeiro grande trunfo deste livro. Com um excelente final do anterior, desejava que o ritmo se mantivesse e tal aconteceu porque não existiu nada para acrescentar. Martin pega no que já conhecemos e desenvolve a história com mestria, eu fui levado pelos acontecimentos e não posso protestar. Digo-vos já que é um grande livro!

Este livro pode não ter as revelações de outros, ou os momentos mais sangrentos ou de suspense que nos "prendem a respiração", mas é, na minha opinião, o melhor livro da saga até aqui, por um simples facto: é o mais consistente. Pode parecer demasiado grande quando o temos na mão, mas as suas linhas são realmente necessárias para o desenrolar da história.

Outro factor de realçar é o quanto este livro nos afasta de algumas personagens para nos aproximar de outras. Catelyn, por exemplo, perde algum fulgor dos livros anteriores tal como acontece com Tyrion, mas a adição dos capítulos de Jaime são fabulosos e para mim o maior trunfo deste livro em particular.

Jaime apresenta-se no desenrolar deste livro, como algo mais do que aquela personagem desagradável de livros anteriores (não estou a querer dizer que agora já não é desagradável enquanto pessoa, mas ao conhecê-la mais profundamente ganhamos uma noção do porquê das suas acções, os seus motivos e as suas lutas interiores). Na minha opinião é uma personagem muito bem conseguida.
Não querendo falar mais das personagens (era obrigatório falar de Jaime), devo dizer que existem alguns momentos que nos prendem realmente (por um ou outro motivo) e outros onde faço a vénia a Martin por ter feito aquilo que não era esperado e também por arriscar no desenrolar dos acontecimentos. Martin tem essencialmente uma escrita imprevisível que torna tudo mais realista e que nos agarra por desconhecermos totalmente o que está para vir. Aliás, há muito que deixei de tentar adivinhar o que aconteceria no capítulo seguinte, pois na grande maioria, Martin parece fugir sempre aos clichés dos romances de fantasia.

Esta imprevisibilidade de que falo é um dos factores que me faz continuar a ler esta saga, o outro factor são as personagens. Estas são personagens das quais realmente gostamos e nos preocupamos, algo que já não sentia desde que li o Harry Potter quando era puto. As personagens são o que faz esta saga essencial se a olharmos como um todo. Gostamos de umas, odiamos outras, mas essencialmente já só queremos saber o final que cada uma terá (e tal fim poderá chegar mais cedo para umas do que para outras, e uma vez mais Martin irá surpreender). Esta saga tem, e sobre isto não tenho a menor dúvida, o melhor conjunto de personagens de todos os livros que já li.

Com um leque tão grande de personagens é óbvio que esta saga ainda tem muito para dar e mesmo muitas páginas até chegarmos ao fim, mas para já sinto que Martin tem sempre aumentado a qualidade. Não me vou alongar muito mais, esperarei pelo fim do 6º livro para dar uma opinião mais pormenorizada. Conseguirá Martin manter a qualidade e o nível de detalhe nas intrigas, movimentações e motivos das dezenas de personagens nesta história?

Vou já ler o próximo livro porque realmente é difícil parar e o Inverno está a chegar.

http://lerycriticar.blogspot.com/2011/07/tormenta-de-espadas.html
Livro a ler: O Cavalo de Outubro de Collen McCuloough 6º volume da saga 1º Homem de Roma

Offline Ammar Ibn Khairin

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 1765
  • O descendente do Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #92 em: Novembro 16, 2011, 17:02:09 pm »
Critica no blog Desvaneios da Jojo:

R.R. Martin conseguiu mais uma vez! Voltou a deixar-me atordoada e surpreendida!Neste livro, A Tormenta das Espadas, o escritor como que prepara o leitor para o que virá depois, que não sabemos o que será e, apesar de conjecturarmos o futuro e profetizarmos, nós, leitores, nada sabemos. Como lhe é característico, George R.R. Martin quebra os estereótipos e, é desconcertante na apresentação dos personagens. Surgem novos capítulos dedicados a novos intervenientes desta grande história. Davos, o Cavaleiro das Cebolas é um dos meus favoritos.A sua iliteracia não o diminui em nada. A sua sabedoria é enorme e o seu coração ainda maior! Outros personagens ganham mais destaque e, destes é exemplo, Jaime Lannister. Os seus capítulos são brilhantes e electrizantes. A par do irmão, Tyrion, por quem tenho uma grande paixão literária fundamentada pela sua inteligência e pelo seu carisma, Jaime é, agora, um dos meus preferidos. Nada desculpa as suas acções passadas contudo, nesta obra é ele que resplandece. Os seus motivos, conflitos interiores e amores duvidosos são esmiuçados e permitem que o compreendamos melhor. Os Lannisters pagam sempre as suas dívidas. Brienne de Tarth é outra personagem inquietante. Com um código de honra muito próprio, ela triunfa pelo seu modo invulgar, algo desengonçado e excêntrico perante os demais. Todas as personagens de George R.R. Martin são fascinantes. Cada uma segue o seu código, muito seu, muito próprio, por vezes, deturpado pelas suas ambições e pelas suas escolhas mas, verdadeiramente absorvente. A cada passo descobrimos uma nova faceta nelas porém, não são incoerentes. Há uma espécie de coerência na sua incongruência! O Cão de Caça é talvez, a sua epítome. Nele coalescem a bondade e a maldade. Em todas as suas personagens há uma verdade nua e crua. Sentem-se divididos entre o seu dever, seja ele qual for, e o seu desejo, às vezes tão profundo que dói. Jon Snow, um dos meus favoritos, trava essa batalha interminável. Bastardo, irmão de sangue, irmão de negro, homem, Jon tem tantas opções à sua frente e nenhuma delas lhe parece a mais correcta. Depois, há aqueles que têm o seu destino traçado todavia, o seu caminho é difícil e espinhoso. Daenerys Targaryen, herdeira de uma dinastia, sonha com o seu regresso triunfante porém, a menina que se transformou em mulher ainda se questiona e ainda procura os meios para o conseguir. Com poucos meios de subsistência está Brandon Stark que vai em rota incerta em busca do conhecimento que lhe escapa no mundo dos homens. Neste livro, o escritor coloca mais pedras na sua construção e dá-lhe solidez e consistência. Não há momentos de grande impacto a cada página há, sim, um novo olhar e um reforçar das suas paredes. Ficamos com a sensação de tudo vai mudar mais uma vez e de que o Inverno está chegar. Acautelem-se!... Parece-me que um novo vento varrerá Westeros em breve... E como a minha curiosidade é insaciável, A Glória dos Traidores já está quase todo devorado!


7/7- OBRA-PRIMA

http://devaneiosdajojo.blogspot.com/2011/10/tormenta-das-espadas-de-george-rr.html

Offline Ammar Ibn Khairin

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 1765
  • O descendente do Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #93 em: Novembro 18, 2011, 16:32:32 pm »
A Tormenta de Espadas - Crítica no blogue D311nh4
 

Se ao início achei o enredo parado e demasiado descritivo, Martin tornou a esbofetear-me com as mudanças que faz sem aviso prévio. Quando um capítulo parece não arrancar e enrolar o leitor, ele consegue surpreender.

Novas alianças estão criadas. Umas por interesse, outras por obrigação, outras por amor e outras secretas; outras, tudo ao mesmo tempo. As personagens estão, mais do que nunca, interligadas e com as vidas cruzadas. Lannister's e Stark's, Baratheons e as casas do Sul, e Targaryen que se move lentamente pelas águas profundas a caminho do que é seu por direito.

Daenerys foi o meu maior deleite neste livro. Depois de odiá-la por um momento, devido a uma atitude que reprovei, ela sobe na minha consideração e mostra-se uma mulher de armas, de guerra, uma verdadeira rainha.
Tyrion também é, apesar de submisso ao pai que o repugna, entregue a uma aliança vantajosa para os mantos carmesim. Apesar da sua relutância, esta união irá engrandecer a obra, porque é inevitável não ficar curioso quanto às percurssões desta forçada união entre semelhantes casas.
Jon, por sua vez, destaca-se fora do seu ambiente já tão habitual. A personagem já merecia um certo destaque e finalmente vemos isso a acontecer neste volume.

Por último, tenho de bater palmas ao novo "narrador", Jaime. Adorei ver o mundo pelos olhos da distorcida mente, obcecada pelo incesto prazeroso que o consome, Regicida. Está a tornar-se uma das personagens mais notáveis desta fabulosa saga. As revelações das lembranças dos gémeos enquanto crianças são passagens "barulhentas" para a moralidade humana. Jaime vê o seu passado com prazer e puro amor. "Se eu fosse uma mulher, seria Cersei." - diz ele. Simplemente adorei esta constatação e a reflexão que daí advém, quem poderia o egocêntrico Jaime amar, além de si próprio? A sua faceta feminina, claro!

Torna-se a falar, mesas juntam-se para debates, promover estratégias, mas o confronto está próximo e vai ser sangrento e sobretudo digno de se ver, uma vez que os senhores desconhecem os verdadeiros inimigos que veem do Norte e a surpresa que ruma vinda do Sul com 3 dragões ao colo.

Para seguir no blogue D311nh4.
http://d311nh4.blogspot.com/2011/11/tormenta-das-espadas-opiniao.html

Offline Tyrion

  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 11
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #94 em: Julho 30, 2012, 00:56:17 am »
Uma pergunta, este livro não teve o "habitual" compêndio com as várias famílias e respectivas filiações e vassalos no fim como teve o 1 e o 3, ou teve e simplesmente não foi publicado? Se teve, poderia ser disponibilizado, digamos, via PDF ou assim?

http://www.saidadeemergencia.com/index.php?page=Articles.ArticleView&article_id=61

olá a todos,

será que me podiam dar um novo link para eu também ter acesso ao anexo do livro "A Tormenta de Espadas"?

esse link já está inactivo...

Offline Smirlah

  • Administrator
  • Bibliófilo
  • *****
  • Mensagens: 16630
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #95 em: Julho 30, 2012, 14:53:57 pm »
Parece-me que quando actualizaram o site esse anexo se perdeu... Lamento mas não te consigo ajudar. Sugiro que utilizes o do livro anterior, foi o que fiz. :)

Offline Tyrion

  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 11
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #96 em: Julho 30, 2012, 15:30:30 pm »
Mas pelo que li atrás, algumas pessoas conseguiram fazer download do PDF quando o link ainda estava disponível...

Alguém me poderia enviar o ficheiro por e-mail sff?

O meu e-mail é:

njorgers@hotmail.com

Offline Mónica Silva

  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 17
    • Ver Perfil
    • A Thousand Lives
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #97 em: Dezembro 02, 2012, 16:06:03 pm »
O que achei deste volume:

Neste livro o leitor continua a seguir as vidas de personagens que já conhece bem, mas também surgem novos pontos de vista. De igual modo, algumas personagens que perderam o interesso nos livros anteriores surgem a uma nova luz – mais fortes e mais interventivas.

Mais uma vez, friso que o ponto forte desta saga são as suas personagens. Mais do que nunca neste livro as suas intenções não são a preto e branco, não existem heróis ou vilões definidos. Todos são humanos, com os seus defeitos, medos e fragilidades, o que permite ao leitor identificar-se com qualquer um deles. Na verdade, a maior parte apenas quer o melhor para si e para os que amam. E afinal, quem não se consegue identificar com isto?

Esta é a saga perfeita não somente para quem ama o género Fantástico, mas também para os aficionados pela política e guerra. Neste volume novas alianças são formadas, outras são desfeitas e as vidas de cada personagem se cruzam numa teia complexa de intrigas e conspirações.

Apesar de apenas constituir metade do livro original em inglês, não existe um momento morto nesta estória, o que reforça as grandes expectativas para o volume seguinte.

Opinião originalmente publicada em: http://howtoliveathousandlives.blogspot.pt/2012/11/a-tormenta-de-espadas-de-george-rr.html

Offline henriqueanders

  • Leitor Inveterado
  • ***
  • Mensagens: 321
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #98 em: Fevereiro 11, 2013, 00:21:58 am »
Acabei de ler o capítulo onde...

Spoiler (click to show/hide)


... a new land is growing!

Offline estudante

  • Leitor Inveterado
  • ***
  • Mensagens: 487
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #99 em: Fevereiro 11, 2013, 00:31:49 am »
Spoiler (click to show/hide)
"The truth will set you free. But not until it is finished with you." DFW

Offline Sonho Verde

  • Rato de biblioteca
  • *****
  • Mensagens: 1163
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #100 em: Fevereiro 22, 2013, 15:57:23 pm »
Acabei de ler o capítulo onde...

Spoiler (click to show/hide)

Não pude deixar de sorrir ao ler o comentário na caixa de spoiler. Oh! How little you know.

Offline henriqueanders

  • Leitor Inveterado
  • ***
  • Mensagens: 321
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #101 em: Fevereiro 23, 2013, 12:35:59 pm »
Acabei de ler o capítulo onde...

Spoiler (click to show/hide)

Não pude deixar de sorrir ao ler o comentário na caixa de spoiler. Oh! How little you know.

Pois, acredito que sim, afinal ainda vou apenas a meio daquilo que já está escrito...  espero mesmo a sério que tenhas razão :D
... a new land is growing!

Offline Sonho Verde

  • Rato de biblioteca
  • *****
  • Mensagens: 1163
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #102 em: Fevereiro 23, 2013, 13:21:46 pm »
Acabei de ler o capítulo onde...

Spoiler (click to show/hide)

Não pude deixar de sorrir ao ler o comentário na caixa de spoiler. Oh! How little you know.

Pois, acredito que sim, afinal ainda vou apenas a meio daquilo que já está escrito...  espero mesmo a sério que tenhas razão :D

Acho que percebeste a coisa ao contrário...

Offline henriqueanders

  • Leitor Inveterado
  • ***
  • Mensagens: 321
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #103 em: Fevereiro 23, 2013, 13:47:13 pm »
O que eu percebi é que ainda há muito mais desenrolar e muitas mais outras surpresas, provavelmente melhores que esta....

Se não for isto, realmente percebi mal  ???
... a new land is growing!

Offline Sonho Verde

  • Rato de biblioteca
  • *****
  • Mensagens: 1163
    • Ver Perfil
Re: Tormenta de Espadas
« Responder #104 em: Fevereiro 23, 2013, 14:01:27 pm »
O que eu percebi é que ainda há muito mais desenrolar e muitas mais outras surpresas, provavelmente melhores que esta....

Se não for isto, realmente percebi mal  ???

O meu comentário foi feito em resposta ao último parágrafo do teu texto em caixa de spoiler. E mais não digo. :-X