Autor Tópico: Eu Sou a Lenda  (Lida 20169 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline oliveira8

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 5652
    • Ver Perfil
Re: Eu Sou a Lenda
« Responder #75 em: Maio 01, 2011, 03:34:03 am »
Já sabemos que uma adaptação fica sempre aquém, mas aqui o que me chateou foi terem alterado o conceito do livro no final. Mesmo sem comparar com o livro, aquele final deixou um bocado a desejar na minha opinião. Mas pronto, está visto :P

Claro que fica sempre aquém.   ::)

Isso são exemplos de filmes que não ficaram aquém, certo? ;D



Sarcasmo ao sábado é sempre mais difícil, mas sim, existe uma porrada de filmes, que são melhores que os livros( ou BD's) baseados.

Offline tangerina

  • Global Moderator
  • Bibliófilo
  • *****
  • Mensagens: 4851
    • Ver Perfil
    • goodreads
Re: Eu Sou a Lenda
« Responder #76 em: Maio 01, 2011, 05:15:50 am »
Por haver uma porrada deles melhores, não significa que 90% não sejam piores ;D
Lido: Aristides de Sousa Mendes, Um Herói Português, José-Alain Fralon
A ler: 1808, Laurentino Gomes
         A Game of Thrones, G. R. R. Martin
        

http://abibliofila.blogspot.com/

http://www.goodreads.com/catsadiablo

Offline oliveira8

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 5652
    • Ver Perfil
Re: Eu Sou a Lenda
« Responder #77 em: Maio 01, 2011, 05:24:05 am »
Por haver uma porrada deles melhores, não significa que 90% não sejam piores ;D

Sturgeon's Law.

Offline canochinha

  • Rato de biblioteca
  • *****
  • Mensagens: 1349
    • Ver Perfil
    • Estante de Livros
Re: Eu Sou a Lenda
« Responder #78 em: Maio 27, 2011, 23:25:39 pm »
Ao contrário de boa parte de vocês, vi o filme quando estreou (blargh) e só agora li o livro. Aqui fica a minha opinião:

Ora aqui está uma bela sur­presa. Adquiri este livro com uma colec­ção que saiu com a revista Visão no ano pas­sado e, como não gos­tei muito do filme de 2007, pro­ta­go­ni­zado por Will Smith, estava um pouco reti­cente em pegar no livro. Mas confirmou-​se a regra: o livro é (quase) sem­pre melhor que o filme.

O enredo deste livro decorre num cená­rio pós-​apocalíptico. Richard Mathe­son não perde muito tempo a con­tex­tu­a­li­zar (pelo menos na parte ini­cial), mas facil­mente per­ce­be­mos que algo de muito errado se pas­sou para que Robert Neville, a per­so­na­gem que a his­tó­ria acompanha,viva iso­lado na sua casa, que é ata­cada, todas as noi­tes, por um grupo de vam­pi­ros que dese­jam o seu san­gue. Sem qual­quer con­tacto humano há vários meses, Robert vagueia, durante o dia, pelas ruas aban­do­na­das e cheias de recor­da­ções daquilo que um dia foi a civi­li­za­ção humana, em busca de ali­men­tos e de objectos/​instrumentos que faci­li­tem a sua defesa — isto por­que, assim que o sol se põe, uma série de vam­pi­ros ron­dam a sua casa e não o dei­xam em paz.

Robert acha, ape­sar de não ter a cer­teza, que é o último ser humano no mundo. Todos os outros mor­re­ram ou, pior, foram trans­for­ma­dos em mortos-​vivos, cri­a­tu­ras que aban­do­na­ram qual­quer huma­ni­dade que algum dia tive­ram. Mas, ape­sar de vários momen­tos de acção, trata-​se de um livro muito mais intros­pec­tivo e reflec­tivo do que se pode­ria supor à pri­meira vista. Acom­pa­nha­mos Robert em todo o seu deses­pero, pela situ­a­ção actual e pelas recor­da­ções do pas­sado, em momen­tos bons, ou momen­tos que deseja esque­cer, e não dei­xa­mos de admi­rar a sua capa­ci­dade de resis­tên­cia. E o pró­prio lei­tor não pode dei­xar de questionar-​se sobre a con­di­ção da natu­reza humana, quando levada aos limites.

Para além do foco na evo­lu­ção psi­co­ló­gica da per­so­na­gem, este é tam­bém um livro com pen­dor cien­tí­fico, na medida em que, aos pou­cos, vamos tendo expli­ca­ções sobre o que ori­gi­nou esta praga e conhe­cendo melhor as carac­te­rís­ti­cas físi­cas dos seres que mar­ti­ri­zam a vida de Robert. Con­fesso que esta parte me inte­res­sou menos, em espe­cial por­que per­cebo muito pouco des­tes temas e a forma como a ques­tão é exposta não faci­li­tou muito a minha com­pre­en­são. Mas não é nada que impeça o des­fru­tar da história.

Na minha opi­nião, a grande mais-​valia deste livro é a forma pro­funda e com­plexa com que a per­so­na­gem prin­ci­pal é des­crita. Os sen­ti­men­tos de Robert são quase pal­pá­veis, e ape­sar de nos ser apre­sen­tado no con­texto de uma situ­a­ção extrema, que não nos é fácil ima­gi­nar, a ver­dade é que nos sen­ti­mos lá, a lutar com ele. Tor­ce­mos pela sua sobre­vi­vên­cia e admi­ra­mos a forma como resiste, mas per­ce­be­mos sem­pre que o que ali está é um ser humano, com todas as suas cores. Gos­tei da escrita de Robert Mathe­son, bas­tante envol­vente sem ter dema­si­a­dos floreados.

O final não foi total­mente do meu agrado, mas penso que acaba por ser o des­fe­cho mais rea­lista e ade­quado de uma his­tó­ria muito inte­res­sante. Esta edi­ção, à seme­lhança da da Saída de Emer­gên­cia (a tra­du­ção é a mesma) con­tém 3 con­tos no final, não rela­ci­o­na­dos com a his­tó­ria, que eu não li. Mas deixo aqui a nota que foi publi­cada recen­te­mente uma colec­tâ­nea de con­tos do autor, A Caixa, que fiquei curi­osa por ler.

http://www.estantedelivros.com/2011/05/eu-sou-a-lenda.html
« Última modificação: Maio 27, 2011, 23:27:12 pm por canochinha »

Offline tangerina

  • Global Moderator
  • Bibliófilo
  • *****
  • Mensagens: 4851
    • Ver Perfil
    • goodreads
Re: Eu Sou a Lenda
« Responder #79 em: Maio 28, 2011, 04:17:49 am »
O filme é ainda mais blargh se for visto depois! Blargh! :P
Lido: Aristides de Sousa Mendes, Um Herói Português, José-Alain Fralon
A ler: 1808, Laurentino Gomes
         A Game of Thrones, G. R. R. Martin
        

http://abibliofila.blogspot.com/

http://www.goodreads.com/catsadiablo

Offline Magnus

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 4277
  • O Senhor Luvas
    • Ver Perfil
    • O Senhor Luvas
Re: Eu Sou a Lenda
« Responder #80 em: Maio 28, 2011, 04:37:14 am »
Ainda bem que gostas te Canochinha, o livro é realmente muito melhor do que o filme, que te sirva de lição  ;)

Bem agora só te falta ler a A Caixa para o pleno  8)
O Senhor Luvas
mais que um blog de literatura

Offline tangerina

  • Global Moderator
  • Bibliófilo
  • *****
  • Mensagens: 4851
    • Ver Perfil
    • goodreads
Re: Eu Sou a Lenda
« Responder #81 em: Maio 28, 2011, 04:45:05 am »
Já dizia o sábio alguém,

Nunca julgues um livro pelo filme ;D
Lido: Aristides de Sousa Mendes, Um Herói Português, José-Alain Fralon
A ler: 1808, Laurentino Gomes
         A Game of Thrones, G. R. R. Martin
        

http://abibliofila.blogspot.com/

http://www.goodreads.com/catsadiablo

Offline Smirlah

  • Administrator
  • Bibliófilo
  • *****
  • Mensagens: 16630
    • Ver Perfil
Re: Eu Sou a Lenda
« Responder #82 em: Janeiro 09, 2012, 00:07:50 am »
Tinha este livro já há algum tempo mas nunca me tinha decidido a pegar-lhe. Devo dizer que me arrependi. Achei o livro fantástico.

Offline Riona

  • Leitor compulsivo
  • ****
  • Mensagens: 707
    • Ver Perfil
Re: Eu Sou a Lenda
« Responder #83 em: Janeiro 18, 2012, 01:50:07 am »
Bem, eu já vi o filme há bastante tempo, e adorei. Não conhecia o livro e, ou por isso ou porque não percebo nada de cinema, achei o filme muito bom. Também não estava à espera que um filme do género com o Will Smith pudesse ser tão interessante :D
Claro que quando soube que a história original era em livro, e que este estava muito melhor, a ponto de afirmarem que o filme não presta para nada, vi logo que tinha de o ler, e passou a constar na minha lista de futuras aquisições. A culpa também é da tangerina, que só me mete em "embrulhadas"... ::)
Entretanto, com a promoção dos  40% de desconto decidi que não podia deixar passar a oportunidade, e já cá canta! Comecei-o ontem e devo dizer que, para já, estou a adorar.  ;D


18 Jan:
Continuo a adorar, mas  há uma coisa que acho tão estranho: o facto de uns vampiros tão "actuais" terem medo de alhos e de crucifixos! Confesso que não estava à espera, e também já não me lembro como era no filme.
Bem, logo à noite vou voltar a minha leitura, e depois vou resistir para só voltar aqui no fim.  ::)
« Última modificação: Janeiro 18, 2012, 20:39:12 pm por Riona »

Offline Riona

  • Leitor compulsivo
  • ****
  • Mensagens: 707
    • Ver Perfil
Re: Eu Sou a Lenda
« Responder #84 em: Janeiro 25, 2012, 05:20:44 am »
Adorei o livro!
Tem, de facto, muito pouco a ver com o filme, mas, embora ache e livro fantástico, o filme não “desceu” na minha consideração. Afinal, é uma aventura holywoodesca que cumpre aquilo que promete: suspense, emoção e, no fim, uma boa dose de esperança e de consolo.
Se calhar, se fizessem um argumento tão negro como a história do livro, o filme seria visto por muito menos gente, pois não é fácil que uma história a história tão estranha, a nível científico, e tão desoladora a nível emocional tenha sucesso nas salas. O filme foi claramente feito para vender.  :P

Eu achei o livro absolutamente brilhante, pela maneira como está escrito, que nos faz partilhar os sentimentos de Robert, pelo ambiente pesadíssimo e pela maneira como tudo aquilo envolve e subjuga quem lê. Não continuo os elogios, porque já disseram tudo isto e muito mais. E que maravilhosas críticas literárias há por aqui!  :D

Os contos no final, bem, foram uma surpresa! E que fantástica surpresa! Gostei de todos, embora n’ Os Filhos de Noé já adivinhasse o final a partir do momento em que li um certo anúncio… Já devo ter visto qualquer filme ou série inspirada nesse conto.  ;D

Fica agora A Caixa na minha lista de futuras aquisições!

EDIT:  (para não fazer triplo post  ;))

Entertanto, o I Am Legend venceu o prémio especial Vampire Novel of the Century, dos Bram Stoker Awards 2011:

http://www.fallingintoinfinity.com/2012/04/vencedores-dos-bram-stoker-awards-2011.html
« Última modificação: Abril 11, 2012, 19:32:30 pm por Riona »