Autor Tópico: Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio  (Lida 15030 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline admin

  • Administrator
  • Leitor de Fim de Semana
  • *****
  • Mensagens: 96
    • Ver Perfil
    • http://www.saidadeemergencia.com
Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« em: Fevereiro 28, 2008, 10:32:05 am »


Veja a bio de Howard Phillips Lovecraft aqui:

Offline FranciscoNorega

  • Leitor Inveterado
  • ***
  • Mensagens: 355
    • Ver Perfil
    • http://www.phpbbserver.com/ocantinhodosliv
Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #1 em: Maio 04, 2008, 12:33:49 pm »
"O Intruso" também é da SdE?  :?  Eu li-o e adorei :D

Offline emperium

  • Leitor Inveterado
  • ***
  • Mensagens: 477
    • Ver Perfil
Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #2 em: Maio 04, 2008, 22:03:42 pm »
É da Fio da Navalha :), tenho-o aqui ao meu lado numa das estantes da biblioteca :).
Eu penso que a Fio da Navalha é o embrião da SdE.

Offline FranciscoNorega

  • Leitor Inveterado
  • ***
  • Mensagens: 355
    • Ver Perfil
    • http://www.phpbbserver.com/ocantinhodosliv
Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #3 em: Maio 04, 2008, 23:24:17 pm »
Ah, ok. Também o tenho ali na estante :P

É um livro muito bom, aliás, como adivinho que sejam todos os escritos pelo Mestre do Terror.
Se abrirem uma secção posto uma pseudo-critica/resumo que escrevi.

Offline matadmin

  • Administrator
  • Leitor de Fim de Semana
  • *****
  • Mensagens: 163
    • Ver Perfil
Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #4 em: Maio 05, 2008, 10:57:53 am »
Citação de: "FranciscoNorega"

Se abrirem uma secção posto uma pseudo-critica/resumo que escrevi.


Já está aberta uma secção dedicada ao "Intruso".

Foi mesmo uma falha nossa. Apesar do livro se encontar esgotado, não deixa de merecer estar presente no fórum...

.

Offline Thanatos

  • Leitor compulsivo
  • ****
  • Mensagens: 703
    • Ver Perfil
    • http://www.bbde.org
Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #5 em: Maio 16, 2008, 21:16:53 pm »
Foi publicada na Inglaterra H.P. Lovecraft In Britain: A Monograph, da autoria de Stephen Jones.

Fruto do trabalho anterior de Jones aquando da compilação de Necronomicon: The Best Weird Tales of H.P. Lovecraft, a monografia analisa a correspondência entre Derleth e Gollancz na década de 50 seguindo depois uma exaustiva análise de todas as publicações lovecraftianas na Inglaterra desde 1951 em diante.

O livro inclui reproduções de quase todas as capas bem como fac-similes dos contratos e das epístolas mais relevantes.

O livro é ilustrado por Les Edwards, tem 46 páginas e é uma edição da The British Fantasy Society.

Offline Mary_Russel

  • Leitor de Fim de Semana
  • **
  • Mensagens: 62
    • Ver Perfil
Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #6 em: Julho 06, 2008, 23:44:36 pm »
Recentemente adquiri uma biografia bastante completa de Lovecraft, em inglês, com cerca de 700 páginas, Lovecraft: A Life, de S.T. Joshi.

Não sei se vou relatar factos já vossos conhecidos, mas é realmente impressionante. Espero que não se importem com os pormenores, mas como aqui é um espaço dedicado a vida do autor.

Não teve uma vida muito feliz, em parte devido a sua mãe, com a qual tinha uma relação amor-ódio - ela desejava ter uma filha, e por esse motivo até aos 6 anos vestia-o sempre como uma menina! Nessa idade, ao ver os outros rapazes, impôs-se e obrigou a mãe a cortar-lhe os caracóis compridos.  :?

O pai estava internado com um caso de loucura sifilica,salvo erro, e morreu quando ele tinha apenas 5 anos. Com a morte do pai, a família (mãe, avô e tia) eram sustentados por um avô que Lovecraft adorava.
Por viverem numa situação confortável, Lovecraft nunca foi habituado a trabalhar para ganhar o seu sustento e isso reflectiu-se na sua vida adulta. Sempre viveu ressentido de nunca ter um curso superior, pois as constantes doenças nervosas impediam-no de ir a escola regularmente, fazendo-o falhar os exames. Após a morte do avô, pensou em se suicidar, aos 12 anos.

Nunca saía muito, por esse motivo a única mulher com quem teve a 1ª experiência amorosa e sexual foi uma divorciada 10 anos mais velha, Sónia, aos 30 e tal anos (ela teve de o ensinar na 1º noite :oops: ). Disse, quando ela o beijou, que nunca tinha sido beijado por ninguém...! Basicamente ele era sustentado por ela. Não fosse ela a comprar-lhe uns fatos, ele andava com roupas um pouco antiquadas.
O casamento durou dois anos. O facto de ela ter arranjado trabalho longe dele levou ao divórcio, pois mal se viam e Lovecraft, tendo a opinião que um cavalheiro não se deveria divorciar, não se importava de ter uma casamento à distância através de cartas...mas ela impôs o divórcio.
A mãe também é internada mais tarde, vindo a morrer.

A vida de Lovecraft tornou-se precária, só podendo alugar um pequeno quarto sem grandes condições. Um amigo do clube Kalem foi visita-lo e ficou impressionado com o desarranjo, ele recebeu-o em pijama e o amigo viu os lençóis um pouco para o sujo...em termos de alimentação era mais a base de enlatados e muitos dos dias só comia uma refeição.

Sentia dores abdominais recorrentes e quando examinado veio a saber que sofria de cancro intestinal já em estado avançado, vindo a morrer de forma agonizante.  :cry:

A biografia tem muitas cartas onde são relatados casos dele e os amigos, da mulher, anexos onde se fala das suas obras.

O Relato de Randolph Carter, por exemplo, foi baseado num sonho muito vivido, sendo ele Carter e Loveman, um amigo do clube kalem, o homem que ia com ele ao cemitério e não me lembro do nome.
"Várias vezes lhe disse, meu caro Watson, que quando se elimina o impossível, o que resta, por mais improvável que seja, é a verdade. Mas...o que acontece quando não se pode eliminar o impossível?"

Offline Mendez

  • Aprendiz
  • *
  • Mensagens: 2
    • Ver Perfil
...
« Responder #7 em: Março 25, 2009, 14:06:01 pm »
Citação de: "matadmin"
Citação de: "FranciscoNorega"

Se abrirem uma secção posto uma pseudo-critica/resumo que escrevi.


Já está aberta uma secção dedicada ao "Intruso".

Foi mesmo uma falha nossa. Apesar do livro se encontar esgotado, não deixa de merecer estar presente no fórum...

.


Esgotado?!?! Então o que era aquilo que eu encontrei ontem na FNAC do Chiado? Algum regresso dos mortos-vivos.

Offline Werewolf

  • Leitor de Fim de Semana
  • **
  • Mensagens: 151
    • Ver Perfil
Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #8 em: Abril 05, 2009, 17:54:40 pm »
O facto de estar esgotado não quer dizer que todas as livrarias tenham vendido todos os exemplares… está esgotado na editora, mas muito provavelmente ainda encontras em livrarias. Começa é a ser mais difícil.

Offline Riona

  • Leitor compulsivo
  • ****
  • Mensagens: 707
    • Ver Perfil
Re: Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #9 em: Setembro 23, 2010, 07:46:34 am »
Apesar de uma entrada pouco auspiciosa no universo de Lovecraft (tenho a minha crítica no tópico As 5 maneiras de ser digerido por Cthulhu e outras criaturas), agora que já se passou algum tempo, tenho uma vozinha cá dentro ( ::)) que volta e meia me diz que lhe devia dar outra oportunidade.
Começo a pensar n' Os Melhores de Contos de Lovecraft que ainda me faltam (vol. 2, 3, 4 e 5), e penso que se lesse outro talvez me entusiasmasse mais. O que acham os entendidos na matéria? Devo insistir? Qual dos volumes é o melhor? Tenho medo de seguir a lógica editorial e comprar o volume 2 e ele não me entusiasmar... o primeiro não me cativou o suficiente, e algumas partes custaram imenso a ler...:P

A SdE não estará a pensar lançar um pack....?  ;D
« Última modificação: Setembro 26, 2010, 23:04:25 pm por Riona »

Offline ruiramos

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 3637
    • Ver Perfil
Re: Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #10 em: Setembro 23, 2010, 20:35:49 pm »
Apesar de uma entrada pouco auspiciosa no universo de Lovecraft (tenho a minha crítica no tópico As 5 maneiras de ser digerido por Cthulhu e outras criaturas), agora que já se passou algum tempo, tenho uma vozinha cá dentro ( ::)) que volta e meia me diz que lhe devia dar outra oportunidade.
Começo a pensar n' Os Melhores de Contos de Lovecraft que ainda me faltam (vol. 2, 3, 4 e 5), e penso que se lesse outro talvez me entusiasmasse mais. O que acham os entendidos na matéria? Devo insistir? Qual dos volumes é o melhor? Tenho medo de seguir a lógica editorial e comprar o volume 2 e ele não me entuasmar... o primeiro não me cativou o suficiente, e algumas partes custaram imenso a ler...:P

A SdE não estará a pensar lançar um pack....?  ;D

Eu comecei a ler Lovecraft pelo Segundo Volume e fiquei logo agarrado.

Cada frase despertava em mim um milhão de possibilidades, um milhão de histórias paralelas. Foi um verdadeiro boost de inspiração. O autor foi-me aconselhado pelo meu professor de escrita criativa, pois a temática dos meus contos era em tudo semelhante. Fiquei siderado quando o comecei a ler (o professor não podia estar mais certo). Tinha encontrado um autor que satisfazia por completo as minhas necessidades (ficção-científica, aventura, terror, mitologia, imaginação a rodos).

Depois não descansei até ter arranjado o 1º. Achei-o igualmente bom. Principalmente o Call of Cthulhu (se não gostaste desse, então as tuas hipóteses de gostar de Lovecraft, são ínfimas, pois os seus melhores contos, minha opinião, inserem-se no ciclo Cthulhu Mythos).

Fiquei tão agarrado que fiz uma BD baseada no universo de Lovecraft em conjunto com uns amigos que conheci num fórum de BD. Para não falar de todo um imaginário que criou raízes na minha mente que está à espera de um dia ver a luz do dia.

http://murmuriosdasprofundezas.blogspot.com/


Contudo, o meu entusiasmo pelo autor foi resfriando a cada novo volume que ia lendo.

Tornou-se cansativo o constante recurso à mesma fórmula para contar uma história:

Descrições exageradas.
Personagens masculinas, medrosas e sempre a narrar na primeira pessoa (mesmo quando terminam num manicómio).
O eterno pavor do desconhecido.

Mesmo assim, consegues encontrar contos muito bons.
O que mais me agrada em Lovecraft é o seu imaginário: seres extraterrestres ancestrais que lutam pelo domínio da Terra ao longo das eras geológicas, enquanto a Humanidade assiste impotente e aterrorizada (Cthulhu Mythos).
Também gosto das viagens pelos mundos oníricos e por terras inexploradas, inspirados nos sonhos dele.

Só para terminar, gosto muito mais de Lovecraft do que do Poe.

Voltando à tua pergunta, se deves ler mais Lovecraft.

É simples. Se a temática não te agrada, então esquece o autor. Mas se gostas deste género de literatura, se te inspira de alguma forma, então dá-lhe uma hipótese, a SdE soube distribuir os melhores contos pelos diversos volumes.

Em todos eles vais encontrar contos bons, misturados com contos assim assim e outros que nem por isso.

O conselho que te dou:

Faz uma pesquisa na net sobre a obra do autor e lê acerca dos diferentes ciclos que ele desenvolveu, procura resumos dos diferentes contos. Tenta perceber se existe algum que te agrada.

Depois vai a uma biblioteca e requisita os outros volumes da SdE e lê os contos que mais te cativaram durante a pesquisa que fizeste.

Offline Riona

  • Leitor compulsivo
  • ****
  • Mensagens: 707
    • Ver Perfil
Re: Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #11 em: Setembro 26, 2010, 22:46:27 pm »
Rui, muito obrigada! Tenho muito por onde investigar. Bom post, sim senhor! ;D
 Não vai ser para já, mas vou dar certamente uma nova oportunidade a este senhor.
Adorei o conto O Despertar de Cthulhu, mas ao longo do livro comecei a cansar-me, quase todos os contos giravam à volta das mesmas teorias, e a escrita dele não me fazia "criar ambientes" tão facilmente como me acontecia com Poe. E, claro, estava sempre presente o meu preconceito contra teorias extra-terrestres, não por colocar de parte as teorias como algo impossível (sabe-se lá!), mas porque ler livros ou ver filmes com essa temática sempre deixou em mim um sentimento de irrealidade demasiado forte.
Mas alguns dos contos de Lovecraft do primeiro volume têm grandes momentos, e acho que vou deixar de me lembrar das "secas" (afinal , porque mais que adore Poe, há alguns contos dele que me custaram a ler), e vou conhecer mais coisas de Lovecraft assim que tenha uma "aberta" na lista de livros que me esperam na prateleira.  :D

E depois tenho outra grande vantagem: as edições da SdE estão muito boas! Lá para o fim do livro, até das estranhíssimas introduções de F. Ribeiro eu gostava.  8)
« Última modificação: Setembro 26, 2010, 23:23:16 pm por Riona »

Offline Sor Flavius

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 3145
  • BAZINGA!!
    • Ver Perfil
    • http://www.myspace.com/sorflavius
Re: Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #12 em: Setembro 26, 2010, 22:49:29 pm »
Existe um boardgame muito bem conseguido baseado, em parte, nesse conto de Lovecraft. Chama-se Arkham e é de bater com os punhos na mesa... ;D
Penso logo estorvo.

Offline ruiramos

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 3637
    • Ver Perfil
Re: Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #13 em: Setembro 27, 2010, 15:54:33 pm »
Existe um boardgame muito bem conseguido baseado, em parte, nesse conto de Lovecraft. Chama-se Arkham e é de bater com os punhos na mesa... ;D

E existe um RPG chamado Call of Cthulhu (nunca joguei), mas nos meus anos de faculdade os meus companheiros de RPGs estavam sempre a falar disso, soubesse eu o que sei hoje tê-lo-ia jogado até me tornar mestre de jogo ;)

Offline ruiramos

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 3637
    • Ver Perfil
Re: Howard Phillips Lovecraft - Foto e bio
« Responder #14 em: Setembro 27, 2010, 16:00:49 pm »
Riona mais uma dica para ti.

Uma vez que o teu problema parece ser aborreceres-te com as repetições do Lovecraft, talvez o ideal para ti é leres os contos intercalado com a leitura de outro autor qualquer para evitar o cansaço.

Assim, enquanto lês um livro qualquer, no intervalo intercalas um conto do lovecraft, para depois voltares ao primeiro livro e vice-versa.

Foi desta forma que li o 5º volume do Lovecraft e resultou.

Não me senti cansado de o ler.