Autor Tópico: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett  (Lida 10707 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Safaa_Dib

  • Administrator
  • Bibliófilo
  • *****
  • Mensagens: 2083
    • Ver Perfil
Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« em: Outubro 04, 2010, 18:35:54 pm »


Com mais de 50 milhões de livros vendidos, Pratchett é um fenómeno único!

A Senhorita Perspicácia Carraça, bruxa de algum renome, preocupa-se com um ondular nas paredes do mundo, uma perturbação centrada em terras de cré, onde não é costume nascerem bruxas de mérito. Mas a pequena Tiffany Dores decide contrariar a tradição porque o seu irritante irmãozinho foi raptado pela rainha das fadas. Ajudada por
um sapo falante e por um exército de Homenzinhos Livres ladrões, bêbados e arruaceiros (os Nac Mac Feegles), Tiffany deita mãos à obra.


Leia um excerto desta obra.
« Última modificação: Março 29, 2012, 21:56:28 pm por Smirlah »
Kill the boy, Jon Snow.  Winter is almost upon us.  Kill the boy and let the man be born. - A Dance with Dragons

Offline Fiacha

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 15386
  • Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #1 em: Outubro 04, 2010, 21:33:39 pm »
Critica ao livro no Blogue Rascunhos

The Discworld é o nome de uma das mais conhecidas séries fantásticas, da autoria de Terry Pratchett, que decorre num mundo imaginário de forma esférica suportado por quatro elefantes no topo de uma tartaruga. Misturando absurdo com crítica social, a colecção conta com mais de 30 livros, de leitura leve e divertida. Homenzinhos livres (The Wee Free Men, em inglês) é um dos títulos que pertence à secção mais jovem de Discworld, conjuntamente com A Hat Full of Sky ou Wintersmith. Na quinta dos Dores estranhos acontecimentos se sucedem: um monstro no lago é atraído pelo bebé, e pequenos homenzinhos aparecem a Tiffany, uma jovem estranha mas determinada. Tentando descobrir qual o monstro que surgiu no lago, Tiffany dirige-se às barracas dos professores onde, a troco de alguns alimentos dão algumas lições. Na barraca que acaba por escolher encontra uma professora diferente, uma bruxa mascarada que pretende descobrir quem é Tiffany de forma a ajudar a expulsar os monstros que vão aparecendo, e que lhe pede para esperar por ajuda. No entanto, quando o seu pequeno irmão é raptado pela Rainha das Fadas, aproveita a ajuda dos homenzinhos livres, e decide-se a entrar no reino mágico e maldito para resgatar o rapaz. Pintando as bruxas como mulheres inteligentes e práticas que raramente usam a magia, explica porque serão mais odiadas do que os mágicos, ao dizerem o que será e não aquilo que os outros querem ouvir em relação ao seu futuro. Sem ser nenhuma obra prima, é uma leitura rápida, leve e divertida que, apesar de direccionada para os mais jovens, também entretém os adultos, mas sem cair nos absurdo exagerado que podemos encontrar noutros livros da mesma série.

Para seguir no blogue Rascunhos.

http://acrisalves.wordpress.com/2010/08/26/homenzinhos-livres-terry-pratchett/

Conto ler o livro em breve  ;)
« Última modificação: Outubro 07, 2010, 05:06:54 am por Fiacha »
Livro a ler: O Cavalo de Outubro de Collen McCuloough 6º volume da saga 1º Homem de Roma

Offline wavegirl

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2386
  • "Tudo tem um preço..."
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #2 em: Outubro 06, 2010, 02:57:21 am »
Não tenho muito jeito para criticar livros pois acabo sempre por pôr os pés pelas mãos e lançar imensos spoilers  :-[ no entanto vejo-me obrigada a dizer algo deste livro visto ter sido um (belo) presente da SdE de um passatempo passado  :)

Não tenho meio de comparação deste livro pois ainda não li mais nada do autor (Eu sei, grande falha!). Deste modo só tenho a dizer que achei o livro bastante engraçado...
É um livro fluído, com uma escrita suave e que reserva umas belas gargalhadas  :) É um pouco "cruel" com os nossos tão conhecidos contos de fadas... aqui nesta história as bruxas têm uma palavra a dizer que não seja para o mal e claro... nem todas têm verrugas!  :) Não há corvos nem os tão característicos gatos pretos!  ;)

Na verdade foi o primeiro livro da colecção Teen que li e posso dizer que gostei muito  :) Recomendo a todos os que gostam de por de lado os clichés das fadas vs bruxas! É um bom livro para dar a volta a tudo o que estamos habituados a ver sobre o tema!  ;)

Boas leituras!

(Desculpem a falta de jeito em críticas... :-[)
"What We Do in Life... Echoes in Eternity..." - Gladiator

Offline Fiacha

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 15386
  • Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #3 em: Outubro 06, 2010, 19:41:51 pm »
Os Homenzinhos Livres - Crítica no blogue Clube dos Livros

Este livro despertou-me imenso interesse não só pela capa e conteúdo da sinopse, mas pelo sucesso que este autor revela. Nesta obra somos transportados para um mundo muito rural e de outros tempos, com um grau de analfabetismo, onde tudo se compra com a troca de bens de consumo e outros. Temos como nossa heroína a pequena Tiffany Dores, com apenas 9 anos em que é vigiada e perseguida por uma bruxa de nome Senhorita Perspicácia Carraça sem o saber, devido à dúvida que esta apresenta quando à identidade de Tiffany, querendo descobrir se esta é a bruxa descendente dos "Dores", visto a última ter sido a sua avó, mas que um dia esta assiste a um feito de Tiffany que a deixa em crer que só poderá ser ela, feito este que Tiffany com a sua inteligência e habilidade derrota um monstro junto ao rio, a Jenny Dentes-Verdes, usando o seu irmão como isco e usando apenas a sua frigideira como arma, que a acompanha toda a história, neste mesmo momento de derrota ela também vê, pouco antes 2 pequenos homenzinhos azuis a boiar num "barco" na água. Tiffany, como habitualmente fazia, um dia visita para adquirir mais conhecimentos a "feira" onde vários professores se juntam e vêm dar as suas lições à troca de legumes e afins, por algum conhecimento, mas nesse dia Tiffany aparece com novas questões em que vai ser encaminhada à tenda, disfarçada por ser proibido a presença de bruxas na sua terra de Cré, por ordem do Barão, e aqui começa a breve aventura, onde Tiffany muito esperta para a sua idade se sai muito bem a falar com a Senhorita Carraça e com o animal que descobre ser um sapo. Aqui são desfeitas algumas curiosidades desta e são despertadas novas, e um elevado interesse por se tornar numa bruxa a sério, mas para isso muito lhe espera e muita animação e acção é apresentada na história, que deixo para vocês descobrirem. Posso adiantar que Tiffany com a ajuda da sua poderosa frigideira e coragem, dos Nac Mac Feegles, que são muito engraçados na fala (estão muito bem concebidos os seus diálogos) cheia de erros e de sotaque que nos deixa a pensar como será, que até nos leva a recriar em vós alta e a rir com o resultado, e com a sua vontade de dar cabeçadas em tudo e partir tudo, e com o sapo da Senhorita Carraça, que a acompanha no seu bolso por toda a aventura, que não sabe a identidade mas que no fim se recorda de tudo aquilo que foi e o que lhe aconteceu para ser transformado num sapo, deixam-nos sem dúvida animados para ler e ler, a aventura em busca do seu irmão em domínios da "Ranha" (como dizem eles), onde lá encontra coisas nunca vistas, onde o medo se apodera dela, mas que com a ajuda do seu pensamento e "dote" de bruxa, encara sempre com grande raiva e vontade os monstros e tudo o que aparece, até sair do mundo dos sonhos e trazer de volta o seu irmão e outro elemento à muito desaparecido. Bem, não conto mais nada, apenas acrescento que apesar da boa disposição, houve uma parte que fui abaixo, um capítulo que estava a ser um pouco maçador, mas no capitulo seguinte até ao fim reanimei e gostei bastante. Ah não pensem que são dados erros, porque é mesmo assim que eles falam... Não se assustem! lol Acção, aventura e acima de tudo boa disposição e uma mente criativa para imaginar os locais e os acontecimentos, depois... bem depois é deixar levar-se, rir e desfrutar da história.

Para seguir no blogue Clube dos Livros.

http://clube-dos-livros.blogspot.com/2010/09/opiniao-os-homenzinhos-livres-de-terry.html
 
Livro a ler: O Cavalo de Outubro de Collen McCuloough 6º volume da saga 1º Homem de Roma

Offline Fiacha

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 15386
  • Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #4 em: Outubro 06, 2010, 19:55:00 pm »
(...)

Na verdade foi o primeiro livro da colecção Teen que li e posso dizer que gostei muito  :) (...)
Boas leituras!

(Desculpem a falta de jeito em críticas... :-[)

Já somos dois sem jeito para criticas, não te preocupes, o importante é que tenhas gostado.

Vou agora dar prioridade à leitura conjunta, mas depois conto ler este rapidamente ;)
Livro a ler: O Cavalo de Outubro de Collen McCuloough 6º volume da saga 1º Homem de Roma

Offline wavegirl

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2386
  • "Tudo tem um preço..."
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #5 em: Outubro 07, 2010, 04:29:33 am »
:) sim de facto adorei! :)

Vais ler num instante! O livro lê-se mesmo muito bem! E é engraçado pelo que faz com que seja ainda melhor porque distrai ;)
"What We Do in Life... Echoes in Eternity..." - Gladiator

Offline Fiacha

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 15386
  • Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #6 em: Outubro 07, 2010, 04:49:14 am »
:) sim de facto adorei! :)

Vais ler num instante! O livro lê-se mesmo muito bem! E é engraçado pelo que faz com que seja ainda melhor porque distrai ;)

Por acaso hoje dei uma avanço na história e aqueles Homenzinhos Livres são engraçados, o que vale a Tifany é o seu novo amigo, O Sapo, que lhe vai dando umas luzinhas ;D
Livro a ler: O Cavalo de Outubro de Collen McCuloough 6º volume da saga 1º Homem de Roma

Offline Fiacha

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 15386
  • Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #7 em: Outubro 07, 2010, 04:56:50 am »
Os Homenzinhos Livres - Crítica no blogue Páginas Desfolhadas

 Apesar de (ainda) não ser instalado no mercado português, Terry Pratchett é um dos autores mais lidos do mundo e "Discworld", o mundo que criou para a maior parte dos seus livros, já deu origem a jogos, bonecos, adaptações televisivas... Conheço bem as aventuras gráficas, que me proporcionaram muitas horas de gargalhadas e reflexão! Em Portugal, salvo erro, alguns dos primeiros títulos de "Discworld" foram publicados há uns anos pela Temas & Debates, apesar de não ter havido grande aposta de marketing. Foi, para mim, uma das melhores notícias do ano saber que uma das suas obras tinha chegado às mãos da Saída de Emergência! Não será a última, certamente, e espero um maior impacto. "Os Homenzinhos Livres" é o 30º título de Discworld, com personagens que não tinham surgido anteriormente (não há qualquer dificuldade em acompanhar a história) e é o primeiro dirigido a público um pouco mais jovem. E porquê tanto sucesso? Porque quando se começa a leitura só conseguimos parar para sorrir ou soltar uma gargalhada! A fina ironia de Pratchett criou os Homenzinhos Livres, caricatura divertida do folclore e espírito escocês, briguento mas de bom coração. Aproveita para pegar nos mais usados clichés dos contos de fadas, virá-los do avesso até sentirmos simpatia pelas bruxas e já não as imaginarmos desdentadas. Apesar de já ter falecido no início da história, a personagem que maior impressão deixa é a Avó Dores, genialmente silenciosa, com os seus vícios e a sua "magia" de pastora. A neta, protagonista, não se encerra no habitual herói adolescente, vai mostrando características da avó, perspicácia, espírito prático e crença em contos de fada. Podia falar mais um pouco do que surpreendeu, do que me fez rir e do que me faz querer ler tudo o que houver de Terry Pratchett, mas vou concluir dizendo que é o "conto de bruxas" mais original que podem encontrar, magnificamente sarcástico e actual, numa edição soberba como é habitual na colecção Teen. 

Para seguir no blogue Páginas Desfolhadas.

http://paginasdesfolhadas.blogspot.com/2010/10/os-homenzinhos-livres.html
Livro a ler: O Cavalo de Outubro de Collen McCuloough 6º volume da saga 1º Homem de Roma

Offline wavegirl

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2386
  • "Tudo tem um preço..."
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #8 em: Outubro 08, 2010, 05:41:32 am »
Por acaso hoje dei uma avanço na história e aqueles Homenzinhos Livres são engraçados, o que vale a Tifany é o seu novo amigo, O Sapo, que lhe vai dando umas luzinhas ;D

Sim... é verdade! O Sapo é uma personagem engraçada :D O que mais achei piada foi a maneira dos homenzinhos falarem... achei que caiu muito bem nos personagens ;)
"What We Do in Life... Echoes in Eternity..." - Gladiator

Offline Fiacha

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 15386
  • Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #9 em: Outubro 09, 2010, 00:14:29 am »
(...)
Sim... é verdade! O Sapo é uma personagem engraçada :D O que mais achei piada foi a maneira dos homenzinhos falarem... achei que caiu muito bem nos personagens ;)

Quanto mais avanço mais interessante se vai tornando a história e de facto os Homenzinhos Livres são muito engraçados, não se chamassem eles assim ;)

Spoiler (click to show/hide)
Livro a ler: O Cavalo de Outubro de Collen McCuloough 6º volume da saga 1º Homem de Roma

Offline tangerina

  • Global Moderator
  • Bibliófilo
  • *****
  • Mensagens: 4851
    • Ver Perfil
    • goodreads
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #10 em: Outubro 11, 2010, 19:52:40 pm »
Diacho! Adoro os homenzinhos livres!
O sapo é de facto muito engraçado. Aquelas saídas eloquentes que ele tem saídas sabe-se lá de onde (sabemos no fim :P)
Lido: Aristides de Sousa Mendes, Um Herói Português, José-Alain Fralon
A ler: 1808, Laurentino Gomes
         A Game of Thrones, G. R. R. Martin
        

http://abibliofila.blogspot.com/

http://www.goodreads.com/catsadiablo

Offline Fiacha

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 15386
  • Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #11 em: Outubro 11, 2010, 20:33:15 pm »
Diacho adorei mesmo estes Homenzinhos Livres, quero sem duvida continuar a ler estas aventuras.

Já foi descrito as qualidades do livro mas houve partes que gostei mesmo muito,

Spoiler (click to show/hide)


resumindo 2 livro que leio desa colecção segundo livro que me surprende pela positiva :)
Livro a ler: O Cavalo de Outubro de Collen McCuloough 6º volume da saga 1º Homem de Roma

Offline Vanda

  • Leitor Inveterado
  • ***
  • Mensagens: 441
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #12 em: Outubro 11, 2010, 21:00:51 pm »
Humm... depois de ler as vossas opiniões acho que comecei a ficar curiosa quanto a estes "homenzinhos"  :P

O silêncio é o inicio da Sabedoria...
[Never a failure, always a lesson]

Offline wavegirl

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 2386
  • "Tudo tem um preço..."
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #13 em: Outubro 12, 2010, 01:07:47 am »
De facto vale muito a pena! Eu adorei o livro... tenho outro da colecção Teen que estou a pensar em começar brevemente :D Só porque gostei tanto deste!  ;D
"What We Do in Life... Echoes in Eternity..." - Gladiator

Offline Fiacha

  • Bibliófilo
  • ******
  • Mensagens: 15386
  • Corvo Negro
    • Ver Perfil
Re: Os Homenzinhos Livres de Terry Pratchett
« Responder #14 em: Outubro 12, 2010, 03:44:58 am »
De facto vale muito a pena! Eu adorei o livro... tenho outro da colecção Teen que estou a pensar em começar brevemente :D Só porque gostei tanto deste!  ;D

Não me querres dizer qual é ::)
Livro a ler: O Cavalo de Outubro de Collen McCuloough 6º volume da saga 1º Homem de Roma