Mostrar Mensagens

Esta secção permite-lhe ver todas as mensagens colocadas por este membro. De realçar que apenas pode ver as mensagens colocadas em zonas em que você tem acesso.


Mensagens - Thanatos

Páginas: [1] 2 3 ... 47
1
Lisboa no Ano 2000 / Re: Lisboa no Ano 2000
« em: Maio 31, 2013, 14:37:31 pm »
Será possível que ninguém refira a sessão de autógrafos na Feira do Livro de Lisboa no domingo pelas 16h00?

2
Revistas Bang! / Re: Bang! 14
« em: Maio 28, 2013, 16:27:19 pm »
Ainda não li o Senhor do Vento mas graças à comparação com Simmons subiu de imediato para o topo.

Eu tenho plena consciência que sem ovos não há omeletes mas parece-me que os bloggers são suficientemente voluntariosos para poderem -alguns - serem "promovidos" da sidebar, à semelhança do João Campos. Alguns já se focaram nos livros do Barker ou do Simmons. Porque não propor-lhes um artigo de fundo sobre Horror 101 visto que por cá ainda é  uma área pouco explorada?

3
Revistas Bang! / Re: Bang! 14
« em: Maio 28, 2013, 14:55:50 pm »
Eu gostava de ver mais espaço dedicado ao Horror. Tirando o superlativo texto do Seixas de há uns meses atrás, é uma área onde a revista coxeia. Não consigo, em consciência, considerar os monótonos textos do Fernando Ribeiro como suficientes para me satisfazerem.

Considerando que a SdE já publicou nomes distintos no gênero (Simmons,Lovecraft, Barker) estranho esta relutância em dar foco a um dos géneros mais underground e mais dinâmicos das últimas décadas.

4
Literatura / Re: Stephen King
« em: Março 19, 2013, 20:52:25 pm »
É o último publicado mas "encaixa" entre o 4 e o 5. Só para terem uma ideia.

5
Parece que também vamos ter Windhaven de G.R.R Martin e Lisa Turtle este ano.

Lisa Tuttle.  ;)

6
Cinema e TV / Re: Notícias, novidades, curiosidades de cinema/tv
« em: Dezembro 05, 2012, 13:42:55 pm »
Aqui há uns meses os especialistas de serviço desdenharam da hipótese de del Toro avançar com o filme lovecraftiano, tal como eu previ.

Hoje da boca do próprio: http://screenrant.com/guillermo-del-toro-crimson-peak-mountains-madness/

7
Livros publicados / Re: O Ladrão da Eternidade de Clive Barker
« em: Setembro 21, 2012, 09:47:01 am »
Phil Stokes, responsável pelo Revelations, site oficial do autor, comentou no facebook que o aspeto gráfico desta edição é muito bom.

Para quem tiver facebook fica o link: https://facebook.com/photo.php?fbid=10151186974266348&id=128197556347&set=a.456358336347.246634.128197556347&comment_id=8748926&refid=48

8
Sala de Convívio / Re: Encomendei e Recebi - Datas
« em: Setembro 11, 2012, 21:31:23 pm »
Se a memória não me falha a única encomenda que alguma vez tinha feito diretamente no site da editora foi uma Bang! (quando ainda era paga).

No entanto por vicissitudes várias (que dariam um novo tópico, nomeadamente no que se refere a curtíssima vida de prateleira dos livros nestes tempos que correm) no sábado vi-me obrigado a recorrer ao site da editora para colocar uma encomenda. Na segunda recebi confirmação e hoje no correio da manhã chegou-me a mesma.

Melhor experiência online duvido que seja possível ter.

9
Eu estava a dar um exemplo tentando mostrar que podemos votar com a carteira e se bem pensarmos "eles" precisam de nós que o contrário.  ;)

Educação cívica também ajudava.

O que não ajuda é ficar em casa nos domingos de eleições.

10
Temos mais poder do que pensamos. Imagina um boicote às operadoras de telemóveis. Num determinado período ninguém recarregava os pré-pagos.

Quando vejo manifs em Londres, Atenas, Madrid, etc. sinto pena de sermos um povo de mansos que só anda à bulha por causa da bola. É triste.

Temos muito poder. Mas canalizamo-lo mal e desbaratamos as nossas competências em assuntos manipulados.

Façam google em zeitgeist. ;)

11

Não me parece que haja uma única pessoa que goste de todos os aspectos de cultura. E o ballet nem é uma característica da nossa cultura.

E, pelo que sei, todos pagamos pela RTP nos nossos impostos, vejamos ou não os canais desta, pelo que este comentário acerca da frequência de bibliotecas parece-me fugir um pouco à questão.

E eu não ligo a modas. Nunca liguei. Visto quase sempre o mesmo tipo de vestuário, sem me importar minimamente com o estar ou não na moda. Também não ouço música da moda ou sigo a moda seja em que for e não vejo que haja necessariamente uma "hipocrisia peticionária". Podemos não gostar de algo, mas mesmo assim reconhecer a sua importância. Parece-me menos hipocrisia do que um reconhecimento de outrém e mesmo que seja hipocrisia, até esta pode ter a sua utilidade.


Para clarificar a minha resposta era mesmo em reação à tua questão do ninguém querer lucro. Mas vejamos.


Sobre o ballet quem falou nisso foi o Fernando Pinheiro mas admito que tenha lido isso duma forma descontextualizada, até porque quanto mais leio o que o Fernando escreve mais estúpido me sinto.

Quanto ao todos pagamos a RTP com os nossos impostos há duas formas de abordar esta questão. Se assim fosse e considerando que a RTP dá prejuízos brutais então isso significa que os nossos impostos são insuficientes. Ou seja vens mesmo abrir caminho para que se aumentasse os impostos. Por outro lado há que deixar cair por terra essa idiotice da RTP 1 vs. RTP 2. São uma e mesma administração. Finalmente só para esclarecer porque pelos vistos muita gente está convencida que os impostos servem para tudo e mais alguma coisa a verdade é que a parte que sai dos nossos impostos é mínima, na ordem dos 2%. O restante é a famosa taxa (para quem não sabe uma taxa não é um imposto, mas isso provavelmente são picuinhices) de audiovisual que todos pagam na fatura de serviços de eletricidade (a famosa EDP).

Quanto ao comentário da biblioteca te ter passado ao lado, pois a questão é precisamente essa, passou-te ao lado que antes desta pseudo-celeuma da RTP transformada numa autêntica Guerra do Bolhão, já as bibliotecas municipais tinham sofrido cortes brutais na sua dotação orçamental. Pois mas essas bibliotecas, coitadas, não tem manifs de "pobres" funcionários nem demissões em bloco a serem notícia em todos os canais por uma preversão do habitual nacional-porreirismo em que os "amigos" de labuta coçam as costas uns aos outros, e como todos nós frequentamos amiúde as bibliotecas (NOT) nem damos pelas realidades, não é?

Finalmente a chamada hipocrisia peticionária é uma forma eufemística de designar todos aqueles que se prontificam a abrir tópicos  em todo o lado a expressarem a sua indignação seja lá com o  que for a indignação da semana e apelarem às massas para se indignarem em coro. Tudo desde que não seja preciso levantar o rabiosque do assento nem tirar o dedinho nervoso do rato. Porque depois no resto é como a canção dos Deolinda... hoje não que chove e amanhã joga o Benfica...

12
Ninguém pede lucro à RTP. Já me satisfazia se não desse prejuízos colossais.

Fala-se tanto em cultura... quando foi a última vez que entraram numa biblioteca?

Ballet? Os preços na Gulbenkian são acessíveis a todas as bolsas. Foram lá na temporada passada?

Adoro imenso as questões da moda e a hipocrisia peticionária.

13
Livros publicados / Re: O Ladrão da Eternidade de Clive Barker
« em: Setembro 05, 2012, 14:19:56 pm »
Por cortesia indiquei as capas desta edição ao cueadores do site oficial de Barker e as mesmas foram altamente apreciadas.

Como aparentemente nunca tiveram acesso aos exemplares (ignoravam até se tinham sido já publicados) eu novamente como cortesia prontifiquei-me a enviar-lhes exemplares.

Há que promover além-fronteiras para isto não ganhar fama de marasmo.

E já agora podiam publicar mais alguma coisita dele. É dos que demora a entranhar mas vale a pena.

14
Sala de Convívio / Re: Software para organizar livros
« em: Agosto 19, 2012, 17:22:03 pm »
Muito obrigado Thanatos.

Já tinha andando a "namorar" esse software que mencionaste, e gostei bastante. O preço até é bastante acessível. O problema é que a altura não é a mais propicia.

Em relação ao GoodReads, já o uso e sei que dá para colocar essas notas privadas, porém requer uma ligação à internet. E gostaria de ter algo que pudesse sempre ter acesso, com ou sem internet.

Actualmente, até adquirir o do collectorz, estou a utilizar o Calibre. Apesar de ser só para Ebooks é possível adicionar livros em papel. Não é mau de todo.


Mais uma vez, muito obrigado!

O problema da ligação à internet pode ser rodeado. Deve haver mais soluções mas se fosse eu a ter de tratar de algo assim e considerando que queria manter um registo dos livros que emprestei, e a quem e quando, criava no goodreads uma prateleira de Empréstimos e passava para lá os livros que tinha emprestado com private notes mencionando a data e a quem. Depois ia a Tools e selecionava export para ter um ficheiro csv que pode ser lido pelo Excel (ou semelhante programa de folha de cálculo). Assim a Misa tem não só o que quer como continua a beneficiar do goodreads, tudo unificado num único sítio e sem gastar um tostão.

Se for adepta do bookcrossing existem ferramentas próprias para tal manutenção mas penso que se referia a empréstimos tradicionais.

Boas leituras.  :)

15
Cinema e TV / Re: Qual o último filme que foste ver ?
« em: Agosto 19, 2012, 11:16:13 am »
Vi/ouvi Tintin e achei que JW usou mais do mesmo. Há uns tempos para cá que o homem não me surpreende por aí além. Acho que o homem ficou-se pelo Jurassic Park de 1993. Depois disso pouco mais fez que me agradasse, se nao contarmos com os novos Star Wars e Indy 4

Penso que estás a ser injusto para com a partitura para A.I. que dentro do estilo limitado do Williams até conseguiu fugir ao modelo que lhe é mais conhecido.

Páginas: [1] 2 3 ... 47